Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

o acaso

o acaso escolheu pra mim
casta diva
e depois de uma furtiva lágrima
todos os palhaços riram
de suas própris figuras

pintadas e borradas
pelo tempo
o acaso diz bom dia
e, me sorri
fingindo me conhecer

um surto espreita-me à porta
o calor exacerbado
para um dia perfeito
um drink com gelo
e alma

o perfume de milhões primaveras
quarenta e cinco razões para voltar
quarenta e cinco razões para ficar
aqui
exatamente aqui
no corredor
na roleta russa
no insensível momento de contemplação

o acaso me escolheu para você
o acaso lhe mostrou escadas
fôlego

um gole de gim
e tudo nem parece assim tão ruim

o acaso de hoje
é tão repentino
que pode ser surpeendentemente
bom

o acaso tem sua magia
instantanea
é inédito
pronto e metafísico

feliz acaso
feliz dia ensolarado e frio
Gisele Leite
Enviado por Gisele Leite em 23/10/2007
Código do texto: T706660
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Gisele Leite
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
1673 textos (3754621 leituras)
35 áudios (5091 audições)
25 e-livros (144555 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/12/17 09:51)
Gisele Leite

Site do Escritor