Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Alentejo

ALENTEJO


Alentejo, Zona De Planícies Enormes,
Fica Localizado A Sul De Portugal,
São Filhos Seus, Alguns Grandes Nomes,
Que Deram Ao País, Fama Mundial.

Situa-Se Entre O Algarve; O Rio Tejo;
O Oceano Atlântico E A Espanha.
Divide-Se Em Dois, Alto E Baixo Alentejo
E, Ainda, Terras De Setúbal Apanha.

Dois Distritos Tem Um, Um O Outro,
No Alto Temos Évora E Portalegre,
No Baixo Só O De Beja, Ai O Maroto,
Vive Sozinho E Anda De Cara Alegre.

Alcácer Do Sal, Sines, Santiago Do Cacém
E Grândola, Pertencem A Setúbal,
Mas Integram O Alentejo Também,
É Uma Convivência Muito Natural.

As Suas Planícies São, Pouco, Recortadas
Por Acidentes De Fraca Elevação,
Mas, Duas Serras São Contadas,
A Serra De São Mamede E A Do Marvão.

É Uma Terra Onde Se Sente O Calor,
Não É Só O Calor Dos Longos Verões,
É Também O Calor Que Vem Do Amor,
Amor Que A Sua Gente Traz Nos Corações.

A Agricultura É Uma Das Actividades,
Bem Acompanhada Pela Pecuária,
Mas Também A Criação De Novas Amizades,
Alenta Aquela Gente Extraordinária.

É Lindo Apreciar As, Belas, Searas De Trigo,
Centeio, Ou Então Os Campos De Girassol.
E Descansar No Monte, Como Amigo,
Ou À Sombra Do Chaparro, Sentindo O Sol.

O Dito Chaparro, A Azinheira E A Oliveira,
Chaparro É O Nome Dado Ao Sobreiro,
São Árvores Desta Terra Soalheira,
Que Também Tem O Seu Núcleo Mineiro.



Ovelhas; Cabras; Gado Bovino; Cavalar
E Suínos São, Mais, Fontes De Rendimento,
Rendimentos Que, Esta Gente, Sabe Poupar,
Pois É Gente Habituada Ao Sofrimento.

O Vinho Alentejano É Bastante Apreciado,
Os Mármores De Estremoz, Dos Melhores,
Arraiolos Tem Um Património Adorado
E A Sua Gastronomia De Grandes Sabores.

Suas Praias São Fontes De Grande Prazer,
Seus Monumentos Património Mundial,
Suas Barragens Imensos Lagos De Lazer,
E Seu Artesanato É Orgulho Nacional.

Já Foste Fonte De Inspiração Musical,
Porto Covo E Ilha Do Pessegueiro
Andaram Nas Bocas De Todo Portugal.
É Bonito Ser Cantado Pelo País Inteiro.

Alentejo, Com Tantas Potencialidades,
Como Conseguem, Ilustres Governantes,
Justificar As Tamanhas Dificuldades
Com Que Se Debatem Teus Habitantes?

Dificuldades Que Os Levam A Partir,
Parece Que É Tudo Falta De Boa Vontade,
Mas, Alentejo, Tu Ainda Irás Conseguir
Mostrar, Ao Mundo, A Tua Grandiosidade.

Poema dedicado ao Alentejo que me viu nascer

FrancisFerreira
FrancisFerreira
Enviado por FrancisFerreira em 25/10/2007
Reeditado em 20/01/2008
Código do texto: T709921

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
FrancisFerreira
Portugal, 59 anos
637 textos (32187 leituras)
4 áudios (101 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 23:22)
FrancisFerreira