Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Homem de palavra

SOU UM HOMEM DE PALAVRA

Sou um homem de palavra e
Cumpro minhas promessas
Não importa quanto tempo faça
Nem com quem eu esteja
Se prometi ficar, ficarei

Pois sou um homem de palavra e
Cumpro minhas promessas.

Complicado de entender
Muito mais de explicar.
Todas as vezes que falei algo
Foi de coração
Por isso não importa
Qual foi minha promessa
Pode cobrar
Não importa o tempo que se passou.
Não importa onde você esta.
Minha palavra é uma só.

Pois sou um homem de palavra e
Cumpro minhas promessas.

Quantas pessoas dizem eu te amo
Quantas juram para todos que encontraram o amor da sua vida.
Mas que na verdade
Sucumbem diante da primeira dificuldade.
Quantas cartas escrevemos
Quantas temos guardadas em nossas gavetas
Do esquecimento.
Promessas desfeitas
Palavras ditas em vão.

Mas pode me cobrar
Pode olhar em meus olhos
E mesmo passando anos
Pergunte se minhas promessas
Não valem nada.
Com toda força do coração
Te direi
Que sou
Um homem de palavra e
Cumpro minhas promessas.

E se disse te amar...
Pode acreditar.

Eduardo de Souza
Enviado por Eduardo de Souza em 25/10/2007
Código do texto: T709925

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Eduardo de Souza
Florianópolis - Santa Catarina - Brasil, 37 anos
26 textos (1832 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/12/17 03:29)
Eduardo de Souza