Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DIZER



Se por ventura minha fala é mal-dita
para uns, é simples o motivo,
o que digo é transgressor
na medida que também se vê
ameaçado de não mais existir,
em mim, por mim...

Meu dizer poético
ameaçado por mim mesma,
precisa vir
entre sombras e assombros.
mimetismos, fala raquítica,
de viscosa coesão, ou não,
fruto verde dos minutos passados,
ou inventados somente.
Tânia Barros
Enviado por Tânia Barros em 31/10/2007
Reeditado em 30/03/2008
Código do texto: T717246

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do Autor, Rio de Janeiro, Brasil, end. e-mail: brazil_dos_livros@hotmail.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Tânia Barros
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
27 textos (1761 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 17:33)
Tânia Barros