Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NÃO QUERO DEIXAR DE AMAR

Não vou deixar de amar,
por eu não ter sido amado,
seguirei o caminho desejado.

Não vou deixar  de entender o sofrimento,
pelo simples fato de eu nunca ter sentido,
mesmo que não possa ser compreendido.

Não quero ficar preso ao passado,
quero ir além do espaço caminhado,
de um caminho já há muito percorrido.

Não me vou isolar do pensamento alheio,
quero estar presente e não sentir receio
de ver algo que seja diferente ao meu.

Não quero estacionar onde agora estou,
quero poder ir além, vencer barreiras,
não devo ficar preso às tolas asneiras.

Não  quero  repetir  os mesmos erros
de outras vidas tantas vezes já vividas,
preciso ir além das pegadas imprimidas.

Não quero concordar com tudo que eu vejo,
quero acrescentar algo ao já conseguido,
um novo conhecimento para ser vivido.

Não quero deixar de ousar no pensamento,
quero  ir  bem além do que  já foi pensado,
poder acrescentar algo de novo ao passado.

Não quero continuar no lugar onde estou,
eu quero poder vencer  todas as barreiras,
poder passar além das cercas costumeiras.

Não quero ficar preso só  aminha  alma,
nem tampouco preso ao corpo vou ficar,
eu quero ser um espírito livre prá voar.

09/12/04-VEM

Vanderleis Maia
Enviado por Vanderleis Maia em 09/11/2007
Reeditado em 15/08/2008
Código do texto: T730058
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vanderleis Maia
Imperatriz - Maranhão - Brasil
1412 textos (112745 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 05:40)
Vanderleis Maia