Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Não tinha ela pra jogar na piscina

Hoje senti falta de você, bastante.
Todos sorrindo e você bem tão distante...
Já fiz um poema de estante,
Em homenagem ao nosso querido instante...

Tava vendo nos meus olhos seus jeitos e traços,
E bocas que desatinam regras e sufôcos de beijos reforçados pela dor que tive de saudade tua...

Mas que pena você não foi, e também não iria...
Apenas respondeu sobre aquilo que leu,
E nisso cometeu sua prima nobre heresia de domingo.

Tentava te imaginar quando outros braços me envolviam,
Tentava comparar a ordinária poesia
Ao furor de utopia do que escrevi pra você...

Mas se... Não completo por que não quero sentir saudade de outra...
Não importam os dentes, o cheiro, nada...
Quero o seu, o meu, o nosso cheiro combinado,
Que não diz nada pra ninguém...

Cola comigo mais uma vez...
Vamos cantar daquela forma.
Tiro uma musica como esta pra justamente polemizar estes momentos...
Vamos lanchar, fofocar, se abraçar, deixar-se elevar, e eu ainda te olhando a desejar...

Não sei se tens noção, mas gostaria da bela poesia que leria nos teus beijos...
Atacar-te agora, perder os sentidos...
Sentindo-se sem os escrúpulos que encontrei no lúpulo daquela loira flor...

A linda flor dos campos de Bellini,
E lá, os cavalos trotando ao som de uma singela harmonia,
A fantasia do nosso ser:

Fraternidade...
Razão...
Amor, e...
Nada mais.
Como pode isso?
Isso que a muitos não faço mais?
Não sôo assim tão só...
Ignoro os tempos atuais...

Palavras, as viúvas das minhas ilusões...
De te ter, sem ter, e ter, mas não ver...
Quando ter?
Rodrigo Leal
Enviado por Rodrigo Leal em 11/11/2007
Código do texto: T732378

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor como Rodrigo Leal, e link www.fotolog.com/carta_da_arte.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rodrigo Leal
Manaus - Amazonas - Brasil, 35 anos
44 textos (3214 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 07:28)
Rodrigo Leal