Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O que deixaste pra mim...


Debaixo daquela árvore, no banco de jardim,
fizemos juras de amor sem fim.
Ali ficou também plantada a saudades
Daquele amor que um dia disseste ter por mim.

Foram tantas as palavras...
Nunca pense que um dia,
Aquele amor, dito eterno,
Pudesse chegar ao fim...

Tantas noites de angústias,
Que me mostraram a solidão
De ver o ser amado tão perto
E tão longe do coração!

Debaixo da árvore  de minh'alma
Ficaram as doces lembranças
De um tempo onde os dias eram claros
E as noites pontilhadas de estrêlas...

Voce foi embora, sim...
Mas deixou a certeza
Que foi bom sentir e viver ,
Um amor tão belo assim


Sonia Salete 12/11/2007 SP
SoniaS
Enviado por SoniaS em 12/11/2007
Reeditado em 12/11/2007
Código do texto: T733747
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
SoniaS
São Paulo - São Paulo - Brasil
553 textos (16133 leituras)
5 áudios (171 audições)
18 e-livros (458 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 21:30)
SoniaS