Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A LUA ME DISSE

Na claridade da lua
Lancei minha oração
Esperando que ela viesse
Para clarear o meu amor

Pedi que São Jorge me emprestasse
Um cavalo “alado”!
Para eu poder chegar mais ligeiro
No destino traçado

O dragão seria meu aliado
Me livraria dos perigos
E eu voaria como um anjo
Sobre vales e florestas

Sugando sua seiva
Erguendo a espada afiada
Cortando o vento nas nuvens
Com o vigor de um amante.
Josa Pinheiro
Enviado por Josa Pinheiro em 15/11/2007
Reeditado em 15/11/2007
Código do texto: T738167

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor e o link para o site "www.sitedoautor.net"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Josa Pinheiro
Fortaleza - Ceará - Brasil
162 textos (11403 leituras)
1 e-livros (522 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 11:46)
Josa Pinheiro