Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FEITA DE SILÊNCIOS

Silêncio interrompido,
ruídos e poemas.
Telhados molhados,
chuva fresca e veloz.
O sol esconde-se,
sob a mesa da sala.
Degusto o café,e a fé
que eu mereço,espalha-se...
A faca sobre a mesa,
sobrevive, convivências...
A velha janela,encanta-me
e conta-me segredos.
Silêncio interrompido
pelo vidro.
Cacos e poemas.
Caos e teoremas.
Comprovo a sorte.
Imito a sagacidade da
morte, interpreto-me
em mil dilemas.
Palavras interrompidas,
bocas e flores de plático.
Almas sem perfumes...
Meu avesso,e meus costumes.
Prefiro os meus silêncios,
os meus ruídos, os meus
poemas.

Luciane Lopes
Enviado por Luciane Lopes em 06/12/2007
Código do texto: T766891

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Luciane Lopes
Mirassol - São Paulo - Brasil, 46 anos
1215 textos (60559 leituras)
47 áudios (3088 audições)
1 e-livros (120 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/12/17 07:55)
Luciane Lopes