Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

INSÔNIA

INSÔNIA


Deito...
         ...mas o sono não vem
          Sinto a falta de alguém
         Ausência que me pune


Rolo...
        ...o tempo todo na cama
       A dor no peito se inflama
        Desejo  do seu perfume


Beijo...
         ... um singular travesseiro
         Que nesse meu desespero
          Penso a seu corpo abraçar
   
     
Choro...
          ... por toda noite escura
          Mãos em sua vã procura
          Espinhos a me machucar


Peito...
        ...em descontrole acelera
        Eis feito a mais louca fera
        Enfurecido a me dilacerar
       

Rogo...
         ...que o dia logo amanheça
         Mas que de ti não esqueça
          Pois meu destino é sonhar
GILSON G SANTOS
Enviado por GILSON G SANTOS em 06/12/2007
Código do texto: T767606
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
GILSON G SANTOS
Cubatão - São Paulo - Brasil, 51 anos
1332 textos (123750 leituras)
2 e-livros (44 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 14:47)
GILSON G SANTOS