Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Aurélia

Amor, todos os dias eu te espero,
Um pranto a cada dia eu derramo
Rabisco no rosto que te quero
Escrevo no peito que te amo.
Lacrimo sozinho, sem ninguém...
Intrigado se você me ama
Aceito que você não vem!

As nossas bocas se encontrarão
Utopia? Não para mim!
Regarei as flores dessa ilusão
Espalhadas no vão do meu jardim
Louvarei cada botão
Intimidado por um não
Ansioso por um sim!
João Paulo Gaspar
Enviado por João Paulo Gaspar em 30/03/2006
Reeditado em 18/12/2010
Código do texto: T130925
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
João Paulo Gaspar
Acopiara - Ceará - Brasil, 32 anos
54 textos (4135 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/04/21 20:19)
João Paulo Gaspar