Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Homenagem à Negra Poetisa (Por JOSÉ ALBANO)

Agradeço ao Amigo e Poeta Zé Albano 
por esta homenagem tão linda. 
Beijos Querido!



E com calor, aí vem a beleza em cor: -

o alvorecer da aurora
m lágrimas de quem chora
G
era-se, quem sabe, amor virtual!
R
asga a criatividade
teoria da relatividade,

P
õe em duas bocas, amor sensual.
O
ndas, ondas, ondas do mar
m teu corpo só amar
udo. Quem sabe? O visitante.
ndiferente ao amanhecer
S
ozinha, esta mulher
A
trai! É fascinante...!
 

Zé Albano
 
Publicado no Recanto das Letras em 08/09/2007
Código do texto: T643330
Negra Poetisa
Enviado por Negra Poetisa em 06/10/2007
Reeditado em 28/09/2011
Código do texto: T683683

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Negra Poetisa
Porto Seguro - Bahia - Brasil
343 textos (21250 leituras)
14 áudios (922 audições)
3 e-livros (354 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 13:30)
Negra Poetisa