Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Breve Resumo da obra de José Mauro de Vasconcelos "DOIDÃO"

Doidão é uma obra escrita pelo também autor do Livro “Meu pé de laranja Lima”, José Mauro de Vasconcelos, cinco anos antes dessa outra obra mais famosa.
A história é narrada em terceira pessoa, tendo como protagonista, o Zezé, que é filho de um médico e uma senhora dona de casa.
Na adolescência, indo para a escola, Zezé acompanhado por seu melhor amigo, Tarcísio, na rua de Zezé, avistavam uma menina (chamada Sylvia) na janela, que sempre trocavam olharem, entretanto, certa vez, Zezé chama gritando o pai da menina para que a punisse por se atrever a dar em cima dele enquanto caminhava para a escola, e logo a menina é advertida sendo envergonhada.
Ainda na adolescência, os garotos refletiam sobre o que queriam para o futuro, e Zezé querendo conhecer o mundo e sua vontade de fazer Geografia, logo é advertido que “Geografia é matéria para vagabundos”.
E vagabundo mais tarde, Zezé se encontrava em seu quarto, sem emprego, com o amigo estudando Direito, e ele abandonado medicina por falta de recursos para pagar a mensalidade, e sem emprego. E nessa fase, Zezé era bastante recriminado.
Certa ocasião, Zezé que treinava para um torneio de natação, começa a nada sem roupa por longo tempo pensando na vida e no vagabundo que se tornara, e já longe da praia, e cansado, é avistado por pescadores que lhes salvam do quase suicídio, e o retorna para perto da praia.
Zezé consegue um emprego noturno de carregador em uma embarcação, que lhe rendia alguns trocados para gastos básicos de jovem. E era essa a sua rotina: de manhã comprava algumas verduras para a mãe, de tarde nadava, e de noite quando não trabalhava, andava na praça, voltando tarde para a casa, que advertida pela mãe teria que voltar na hora da janta.
Em um passeio desses com seu amigo Tarcísio, Zezé se encanta por uma linda moça, mas logo é relembrado pelo amigo, que esta era a menina da janela de seu passado, mas mesmo assim, Zezé flerta com a garota e a convida para um passeio, mas esta diz ser namorada de Nenéio, mas pela insistência, marca um encontro no baile de carnaval, e por três dias dança com ele e se apaixona. Assim, toda vez que Zezé ia nadar, passava na casa da moça para dar-lhe um beijo.
Zezé era um moço lindo, vistoso, esbelta, e chamava bastante atenção por sua roupa de banho branca e pequena, que marcava os olhares para o corpão do moço, que certa ocasião quase fora preso por atentado ao pudor, mas o policial gordo não conseguiu correr na praia para prender o simpático e safado rapaz.
A irmã do jovem, sempre encrenqueira com Zezé, lhe criticava por tudo, mas dessa vez quase causava uma briga pior quando esta  dizia que seu namoro com Sylvia estaria provocando toda a sociedade, e que até o padre já sabia da sua vulgaridade com a moça. Nesse dia Zezé se irritou muito, mas se controlou para não bater na irmã, e assim, seu namoro estava por um triz, porque até ambos os pais se reuniram para separar o casal.
O pai de Zezé adoeceu, e temendo o pior, pede em segredo para o filho que este pare de namorar com a menina, e este atende, logo mais tarde, o pai piora, e Zezé vai a igreja e promete para Deus salvar seu pai da morte que em troca pararia de nadar, pois amava mais ao pai que a natação e as competições. Assim, com o tempo Zezé entra em depressão, já não tendo vontade de viver, nem de ajudar a mãe com as compras, para sair para as noitadas com bebidas e etc.
Em suas angústias, Sylvia se encontra com Zezé, que depois de tanta conversa sobre a petição de seu pai e as tristezas pelo tempo longe da amada, logo lhe declara sobre seu amor, reatando e confirmando nunca mais a perder novamente, sugerindo até em fugir.
E assim, com o pai já recuperado em sua saúde, Zezé pede dinheiro para se inscrever em um concurso da marinha, que lhe é logo atendido. Terminando sem final propriamente concluído.
Angel Angélica
Enviado por Angel Angélica em 28/06/2018
Código do texto: T6376409
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Angel Angélica
Rorainópolis - Roraima - Brasil
56 textos (4918 leituras)
1 e-livros (8 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/09/18 15:48)
Angel Angélica