Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Caso Queiroz... Temos Um 'MITO' Na Corda Bamba?

     O nosso 'MITO', óbviamente por saber que decididamente como ele próprio afirmou; não nasceu para ser presidente, portanto melhor ninguém que ele para conhecer o tamanho da sua incompetência para governar um País de tamanha  magnitude e complexidade como é o Brasil, sendo um ex-militar optou em se escorar justamente nas Forças Armadas, que é a instituição garantidora dos poderes constitucionais...
     Ele mesmo por diversas vezes já disse que montou sim; um governo "militarizado", o que de fato é verdade, já que além de ter como seu vice o general da reserva Hamilton Mourão, ainda se cercou de outros quatro ministros militares com gabinete no Palácio do Planalto: o da Casa Civil: Walter Souza Braga Netto (general do Exército); o do Gabinete de Segurança Institucional: Augusto Heleno (general da reserva do Exército); o da Secretaria de Governo: Luiz Eduardo Ramos (general do Exército); o da Secretaria-Geral: Jorge Oliveira (major da reserva da Polícia Militar do Distrito Federal), Além de tantos outros que estão bem próximos dele, como por exemplo o da Defesa: Fernando Azevedo e Silva ( general do Exército); o da Ciência e Tecnologia: Marcos Pontes (tenente-coronel da Aeronáutica) e o de Minas e Energia: Bento Albuquerque (almirante da Marinha)...
     Talvez seja justamente por ele se sentir totalmente 'blindado' e 'acima do bem e do mal' já que nos demais escalões do seu governo ele colocou mais militares do que qualquer um daqueles que governaram nosso País no período da Ditadura Militar, é que ele se ufana em ser reconhecido como'  o "Eu quem mando"...
     É bem possível que a instituição militar como um todo,  tenha vislumbrado com essa sua eleição para presidente a grande oportunidade de 'dar a volta por cima' e apagar a lembrança daquelas frustradas e desastradas tentativas de estender o Governo militar nos anos 80, como por exemplo aquela frustrada tentativa que aconteceu naquele Dia do Trabalho, que ficou conhecida como "O Caso Riocentro"...
     Mas ter que apoiar uma política de Estado que repete aqueles mesmos arroubos autoritários e antidemocráticos que foram cometidos naqueles chamados 'anos de chumbo'  certamente não fazia parte dos planos desses militares que hoje o cercam, pois a sua formação moral não deve sequer permitir a hipótese de que eles possam compactuar com esse total desrespeito que temos visto a parte do nosso 'MITO' com as vidas de milhares de famílias, esse verdadeiro escárnio que é chamar de 'gripezinha' essa terrível pandemia do coronavírus que assola o mundo inteiro e que só até hoje aqui no nosso País já matou 58.927 brasileiros...
     Nos "Anos de Chumbo" o 'Caso Riocentro' foi um dos escândalos que abriram o caminho para o fim da Ditadura Militar e agora temos em evidência o 'Caso Queiroz' que tem o nosso 'MITO' o seu filho Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) envolvidos nas investigações, o que possívelmente pode causar o afastamento desses militares deixando-o 'sem blindagem'...
     Fato é que o 'Caso Queiroz', nessa altura do campeonato já deve estar sendo considerado por ele e os seus fiéis súditos,  como 'uma bomba', não exatamente como aquela que explodiu no colo daqueles dois militares no histórico episódio que ficou conhecido como "O Caso Riocentro", que ao explodir enterrou de vez as esperanças daqueles militares que ainda insistiam em conter aquele inexorável avanço do processo de abertura política rumo à Democracia, que se havia iniciado nos finais na década de 1970. Vale lembrar que naqueles tempos os militares exerciam sobre as instituições estatais legítimamente constituidas  um rígido controle, assim como o nosso 'MITO' e os seus 'adeptos' estão tentando fazer hoje  com esses suscessivos e antidemocráticos  ataques que alguns grupos de neofascistas, como aquele grupelho que  costuma se reunir lá naquele seu 'Cercadinho do Planalto', com o seu apoio e em nome da liberdade de expressão,  tem direcionado contra o Supremo Tribunal Federal e o Congresso Nacional, numa demonstração clara e inequívoca de total desrespeito à essa nossa Democracia que a duras penas foi conquistada...
     Mas assim como aconteceu com aquela bomba que ao explodir no colo daqueles dois militares lá no Riocentro acabou 'escancarando' os caminhos para a Democracia; que esse 'Caso Queiroz' seja a bomba que ao 'explodir' acabe enterrando de uma vez por todas esse tão conturbado e 'mitológico governo neofascista', para que assim a Democracia seja enfim restaurada em toda a sua plenitude para que assim o fato de acreditarmos que aqui é o melhor lugar do mundo para se viver não seja apenas uma utopia...
ERCalabar
Enviado por ERCalabar em 30/06/2020
Código do texto: T6992535
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
ERCalabar
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
574 textos (13713 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/08/20 18:37)