Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vigiando o nosso interior e não a vida alheia.



Vivamos de modo decente, como em plena luz do dia, não em orgias e bebedeiras, não em imoralidade sexual e depravação, não em desavenças e invejas. (Rom 13:13). Este versículo faz parte de uma orientação que Paulo dá aos de Roma.


A primeira coisa que deve saltar aos nossos ouvidos, é que Paulo diz andemos, ou seja, para que primemos por observar como nós andamos ou agimos em relação aos outros, e jamais como os outros agem para conosco. E assim ele segue. Mas infelizmente hoje vemos que a maioria de nós prima por observar a vida de outrem. E ao fazermos isso caímos em piores buracos, pois não mudamos o outro e pior poluímos a nossa alma.


- Glutonarias komos (κωμος), e Bebedeiras mete (μεθη), estes dois defeitos andam juntos. Pois estão ligados a farra, e ao nos ocuparmos em vigiar a farra alheia, dentro de nós os nossos defeito fazem farra e a nossa alma é cegada com um orgulho. E invés de cuidarmos de não nos enveredarmos pelo mundo da farra, nos portamos como juízes sem causa.


- Imoralidade sexual koité (κοιτη), depravação (ασελγεια). Estes dois defeitos estão ligados pois o que não respeita a família do próximo certamente perde a pureza do ser. Koité está ligado ao desrespeito ao lar alheio, devemos lembrar que cada pessoa é esposo(a) de alguém, é filho (a) de alguém e, é mãe ou pai de alguém, e estes amam os seus como nós amamos os nossos. E quando os desrespeitamos a dor é intensa e igual a quando alguém desrespeita um dos nossos.



- Desavenças erizo(εριζω), geralmente nós gostamos de falar o que pensamos, mas esquecemos da antiga máxima: “Quem diz o que quer, ouve o que não quer”. E mais, é comum vermos nas rodinhas de conversa alguém falando do defeito de alguém que não está presente, e ao fazer isso além de se julgar melhor esquece de seus próprios defeito. E são estes defeitos que destroem a nossa alma, e somente cada um pode cuidar de seus defeitos.


- Inveja zelos (ζηλος), muitos de nós vivemos preocupados com a inveja que os outros podem sentir de nós, e alguns orientadores espirituais tende sempre a dizer: “As pessoas têm inveja de você”. O triste aqui é, que as pessoas seguem preocupados com o sentir alheio, quando na realidade deveria se ocupar com o seu sentir, ou seja, com a inveja que está dentro de nós. Pois é este sentir que trava a nossa vida e cega a nossa alma, e novamente no dia do juízo nos levará ao lago de fogo.


Que cada um de nós se autoavalie para ver como anda o seu interior, pois será por ele que seremos julgados no dia do juízo onde, o amor verá se coadunamos com Ele. Que o amor de Cristo Jesus seja sempre o árbitro de nossos corações.

(Molivars).

 

Molivars
Enviado por Molivars em 23/02/2021
Código do texto: T7191350
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Molivars
Guarulhos - São Paulo - Brasil
1509 textos (18184 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/02/21 04:31)
Molivars