Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Como a filosofia e a psicologia podem nos ajudar a viver melhor

O mundo moderno trouxe grandes ganhos para o ser humano, mas a reboque veio a competição exacerbada, truculenta, massacrante. Resultado: pessoas estressadas e infelizes, dependendo cada vez mais de drogas – lícitas ou não - para conseguir viver. Nada do que todo mundo já sabe.

Muitos recorrem à religião, que pode vir a ser um grande lenitivo. Mas há momentos em que mesmo a fé parece estéril para apaziguar nossas angústias. É comum ouvirmos pessoas que estão em meio a um grande sofrimento, dizer: “Se Deus quiser, vai melhorar”. E passam-se os anos, os problemas não passam. Parecem condenadas, apesar de todas as preces e velas, a empurrar eternamente a pedra de Sísifo para o alto da montanha. Acredito que não se deve perder a fé, mas se a temperarmos com filosofia e psicologia, talvez os resultados sejam melhores.

Entretanto, a filosofia e a psicologia não vão abrir-lhe as portas para um mundo melhor, como num passe de mágica, mas podem auxiliá-lo a compreender melhor a si mesmo e o mundo, e a partir dessas descobertas, você mesmo poderá ser o próprio autor de sua vida, já que na maioria das vezes, as pessoas não são condutores, mas conduzidas pelas mãos e discursos alheios, que são aqueles que dizem saber exatamente como você de ser, falar e agir.

Nem a filosofia, nem a psicologia vão dar respostas na porta de casa, assim, de pronta entrega. Elas vão fazer você questionar suas certezas. Muitas vezes, são essas certezas os verdugos de uma vida infeliz; a filosofia e a psicologia o convidarão elegantemente a perguntar-se: suas certezas têm razão de ser? Não são elas o resultado de minha visão deturpada das coisas? Não são elas que estão impedindo que eu avance para me tornar alguém melhor? Quem bebe da fonte da filosofia e da psicologia, e decide corajosamente a mudar em si o que está sendo prejudicial, tem grandes chances de não ser mais um na multidão a tropeçar nos próprios passos.

Entretanto, não basta ter fé, ser profundo conhecedor das doutrinas filosóficas e psicológicas, senão compreender o essencial: a dor é inevitável a todos, escolher entre viver na dor ou fazer dela o trampolim para sua edificação depende somente de você.
Fernando Bastos
Enviado por Fernando Bastos em 02/11/2013
Código do texto: T4552890
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Fernando Bastos
Guaramirim - Santa Catarina - Brasil, 59 anos
87 textos (16108 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/04/21 20:15)
Fernando Bastos