Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um Mundo em transformação



Notícias boas nos levam a crer que podemos alimentar esperanças de um mundo melhor, que se encontra em construção.
Faz bem ouvir a respeito de movimentos que são fortalecidos pela ação de crianças e jovens.
Preconceitos, exclusão e bullying começam a ser vistos com outros olhares pela maioria. A solidariedade principia a se tornar panorama comum em muitas situações.
Emocionam atitudes altruístas, frente a situações como a da pequena Morey Belanger.
Sua matrícula foi anunciada antes de seu ingresso na Escola Elementar do Maine, nos Estados Unidos.
Diagnosticada com um distúrbio auditivo raro, ela seria uma exceção entre tantos alunos.
A instituição empreendeu uma ação preparatória que envolveu alunos, professores e funcionários, a fim de que a menina se sentisse bem-vinda, acolhida.
Os que seriam seus colegas de classe se dispuseram, com afinco, a aprender a língua de sinais a fim de recebê-la da melhor forma.
E foi o que aconteceu no dia em que Morey Belanger, com seis anos, adentrou a Escola.
Isso ocorreu em dois mil e dezessete. Na oportunidade, ela era a primeira aluna surda naquela Escola.
A mãe comovida disse que, desde o início, sua filha foi aceita e amada, o que a manteve animada para ir à Escola todos os dias.
Não demorou para que fizesse amizades, feliz, participando das brincadeiras, das festinhas, de tudo, enfim.
*   *   *
Quando Jesus nos ensinou os dois mandamentos básicos que transformariam nosso mundo, Amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a nós mesmos, possivelmente não imaginamos que seria dessa forma.
Hoje compreendemos que, cada qual fazendo a sua parte, melhorando-se e oferecendo sua contribuição, melhoraremos o mundo.
Também se tornou evidente que quando procuramos oferecer ao próximo o que ele mais precisa, nos sentimos realizados, capazes, felizes e estimulados a continuar nesse caminho.
Se a felicidade da menina Morey foi grande, se a satisfação de sua mãe ao vê-la acolhida foi enorme, o sentimento de realização de todos os que colaboraram para que isso se concretizasse foi maior ainda.
De fato, há um sentido profundo na orientação do Mestre de Nazaré quando prescreve que façamos ao outro o que gostaríamos nos fosse feito.
Quando tivermos plena consciência dessa assertiva, veremos se multiplicar em nós o respeito ao semelhante.
Essa nova geração, que vimos despontar na Terra, portadora de sentimentos fraternos, propensão para o bem, age de forma muito natural aos movimentos de respeito e preservação da vida em todos os sentidos.
Importa que nós, os adultos, que sonhamos com um futuro melhor para todos, os estimulemos nas suas ações e nos engajemos, atuando ao lado deles.
O mundo vai melhorar quando cada um de nós se fizer melhor. Quando estimularmos, pelo exemplo, os outros a agirem melhor.
Quando aderirmos a movimentos que promovem o acolhimento, a derrubada de preconceitos de qualquer ordem, quando nos sentirmos como verdadeiros irmãos e parte de uma única e imensa família, chamada raça humana.
Pensemos a respeito e espalhemos bons exemplos, colaborando com o bem, fazendo a nossa parte nessa grande construção do mundo melhor.
Redação do Momento Espírita, com dados

Anezio
Enviado por Anezio em 16/11/2019
Código do texto: T6796523
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Anezio
Indaiatuba - São Paulo - Brasil, 81 anos
543 textos (20211 leituras)
3 e-livros (206 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/01/20 11:56)
Anezio