Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O poder do invisível

          Na maioria das vezes, o ser humano sofre um impacto quando vê-se diante de uma situação que não lhe agrada. Isso acontece porque o que não podemos ver, mas sentimos, é encarado como um mistério a ser esclarecido, uma ferida a ser sarada, uma dor a ser curada.
          E aí, nessa batalha para vencer o invisível, nos deparamos com episódios dos mais variados e percebemos, depois de muito, muito tempo, que não somos o que pensamos ser, não temos o que achamos possuir, não sabemos o que juramos dominar. Somos nada mais que um personagem de uma história repleta de capítulos surpreendentes.
A partir dessa luta pelo  auto-conhecimento é que crescemos. Quando seu corpo for ferido por um espinho desses que encontramos a todo instante, não valorize o ferimento. Pense como será prazeroso vê-lo cicratizado e como nos fará bem a renovação do sangue derramado inicialmente, no momento da agressão.
          O invisível está aí para nos testar. Ele é poderoso e sabe disso. Então, precisamos aprender a conviver com ele e saber superá-lo, sem precisar esquecer que, assim como essa força que não vemos, somos apenas uma partícula dessa imensidão que é o universo criado por Deus.
          O que não surge diante do nós pode nos magoar tanto quanto aquele inimigo que insistimos em lembrar dele, quando aquela cena que nos tortura, mas que não tiramos da nossa cabeça.
          Imaginar sempre que à nossa frente aparecerá uma luz cheia de brilho é sempre a melhor maneira de se encarar a vida. Agindo com dignidade, humildade e paciência, estaremos escrevendo uma página importante da nossa passagem por esta vida e, quem sabe, a partir daí, os próximos capítulos não nos encaminharão para um final feliz?
João Ricardo Correia
Enviado por João Ricardo Correia em 27/09/2007
Código do texto: T671115

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
João Ricardo Correia
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 45 anos
28 textos (2431 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 03:14)
João Ricardo Correia