Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

OS IDOSOS E SUAS ESPECTATIVAS

OS  IDOSOS  E  SUAS ESPECTATIVAS
Nascemos e vivemos, constantemente, alimentados pelas espectativas presentes e futuras. Caminhamos pela vida, sempre voltados para cada lance que nos leve a refletirmos sobre o antes, o agora e o depois. Somos a maior das maravilhas existentes na terra, porque tudo o que existe, o nosso Criador o fez por nossa causa, para dar-nos os meios de nos sentirmos felizes no uso e no manuseio de tudo o que criou. Nada foi colocado aqui, nesse infinito espaço que é a nossa terra, para não ser valorizado e aproveitado com muita coerência, respeito e amor. E, com o decorrer dos anos, todos nascem, desenvolvem-se e crescem, de acordo com às suas características próprias e irrepetíveis, cada um é um. O Criador de tudo, Deus, foi muito caprichoso na sua criação, mas, nas criaturas feitas à sua imagem e semelhança, Ele colocou toda a sua sabedoria e poder, para que, no decorrer dos tempos, tudo se transformasse na maravilha que é o nosso mundo; e nós seres humanos fomos colocados como o “tope” de tudo.

Para quem duvide, é só ler um pouco sobre a evolução de tudo e, chegará às mesmas conclusões que eu cheguei. Por isso, nos meus 76 anos, sou feliz e agradecido ao  Criador, por toda a minha vida, por ter me permitido existir nesse seu plano de amor.
Quando atingimos a “maior idade”, isto é, quando nos tornamos idosos, pela graça de Deus e, também, pelo cuidado tomado com a nossa existência, zelando pelo nosso corpo, pelo nosso espírito, pela nossa mente, pela nossa vida, a fim de conseguirmos tal estágio, embora  sempre almejamos melhorar cada vez mais e, nos sentirmos no final, capazes de terminar a missão a nós creditada. Sempre estaremos nos realizando até o máximo possível neste lugar admirável que é a nossa terra. Para isso é necessário que, não paremos no tempo hora nenhuma. É preciso que vivamos saudavelmente, cuidando da vida que nos foi concedida por Deus, através das suas orientações, desde o início de tudo. Não temos o direito de maltratarmos o nosso corpo, afinal é ele que nos representa fisicamente mas, é preciso que o dirijamos até o fim, através dos ensinamentos que o Pai nos deixou confirmado pelo seu filho Jesus, que aqui esteve pessoalmente.

É tão bom ser um idoso querido por todos. É muito bom, deixarmos as nossas marcas indeléveis, na vida de cada um que nos conhece, tanto os da nossa família como os de quantas outras famílias nos conheçam.  O idoso deve tratar e ser tratado com todo o respeito; afinal, todos os seres humanos pretendem, um dia, serem idosos respeitados e reconhecidos pela sua vida, pelo seu jeito de ser e pelo que fez de bem e de bom, por onde ele viveu; por onde ele passou. E, que cada um almeje  muitos anos de vida, quanto mais, melhor. Só que não podemos esquecer , para tudo o que sonhamos, temos que nos doar de alguma forma, além de cuidarmos do nosso físico. É muito bom ser bom. E, se existe qualidade que ninguém esquece é a de ser bom. E, ser bom faz muito bem para quem o é, também. Ser um idoso não pode ser encarado como ser um velho. O idoso que ama a sua vida, a recicla constantemente, para viver além dos cem anos... Se cada pessoa tratar do seu corpo e, principalmente,  do seu espírito; certamente, o tempo que viver neste mundo, será a sua Estrutura Preparatória para a vida definitiva junto a Deus. E, aos jovens de hoje e idosos de amanhã, que respeitem os idosos da sua família e aos das outras, também. Procurem entendê-los quando forem meio impertinentes; saibam interpretar os seus modos, avaliando a sua vida, como ele viveu, como ele chegou a idade idosa e, lembrando-se que um dia poderá estar numa idêntica situação:  aproveite a lição, se o exemplo for bom ótimo  copie mas, se não for bom, aproveite a lição .

DEUS É BOM !!! – DEUS É FIEL !!! -  Bene – (Ctba.) (BGJ) -  21-11-07

Bene
Enviado por Bene em 20/11/2007
Código do texto: T744733

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Bene
Curitiba - Paraná - Brasil, 86 anos
481 textos (276353 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 13:56)