Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O TEXTO ESCRITO

“Ah, como é triste ter tantas idéias e nada saber ao certo sobre a natureza dessas idéias”.
                                                                                                          (Voltaire)

Escrever sem planejar é perigoso.
 
Ao se iniciar a produção de um texto escrito, o autor já passou pela fase de concepção desse texto. Uma vez concebido no mundo das nossas idéias, o texto atravessará desse mundo para o mundo real _ o do papel, da tela do micro ou qualquer outro espaço. Para viajar de uma realidade para outra, o texto precisará de um piloto seguro, tranqüilo e corajoso. Muitas vezes o vôo fracassa em virtude, principalmente, do excesso de  autocrítica e temor gramatical.

A maioria das pessoas acredita ser a linguagem padrão a única maneira de expressão do pensamento, das idéias. Isto as afasta da leitura e da escrita. Há, entretanto, diversas maneiras de expressar-se, seja usando a forma oficial da língua imposta socialmente, seja usando a forma popular, descontraída. Ambas são igualmente válidas.

Se alguém deseja escrever uma cartinha amorosa ou um bilhete, terá mais liberdade quanto às exigências da linguagem padrão. A não ser que seu amor seja um (a) professor (a) de Gramática. Neste caso, a avaliação pesará sobre o sentimento.

Se o texto a ser escrito for uma correspondência oficial, um trabalho acadêmico e outros modelos formais, agora, então, é  indispensável obedecer rigorosamente aos ditames da linguagem padrão e da linguagem técnica de cada área. Não adianta reclamar.

A estudiosa Ângela Kleiman diz em seu livro Texto e leitor (1997, p. 29) que “A procura de coerência seria um princípio que rege a atividade de leitura e outras atividades humanas”.

O aperfeiçoamento do texto escrito se consegue através do infindável questionamento /diálogo do autor com sua produção _assim como o fez Michelângelo  com sua obra Moisés. Ao vê-la pronta, o artista exclamou admirado: “Parla!”.
 
TÂNIAMENESES
Enviado por TÂNIAMENESES em 24/11/2007
Código do texto: T750579
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
TÂNIAMENESES
Aracaju - Sergipe - Brasil, 69 anos
1684 textos (177224 leituras)
1 áudios (102 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 06:33)
TÂNIAMENESES