Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DR. RUY BRUNO BACELAR DE OLIVEIRA +

O dia 25 de novembro foi fatídico para familiares e amigos do nosso querido confrade Ruy Bruno Bacelar de Oliveira. Depois de breve enfermidade Ruy Bruno veio a falecer em Salvador - BA, onde foi cremado. Não tivemos a oportunidade de vê-lo pela última vez e fazer as devidas homenagens. Ruy era geofísico com doutorado em Harvard e especialização no Japão, tendo vivido nestes dois países por alguns anos. Foi professor da UESB em V. da Conquista até 1993.
Escreveu duas obras maravilhosas sobre a saga de Antonio Conselheiro e vários poemas.
Esta mensagem é para fazer chegar aos nossos amigos o seu passamento. Em breve estarei publicando um artigo mais acurado sobre o confrade da Academia Conquistense de Letras e membro honorário da APOLO, Dr. Ruy Bruno Bacelar de Oliveira, nosso querido amigo.
Que N. S. Jesus Cristo tenha recebido sua grande alma e que descanse em paz!

MISSA DE 7º DIA
A Missa de 7ª dia pela alma de Ruy Bruno Bacelar de Oliveira ocorreu na Igreja das Sacramentinas, em Conquista, no dia 1/12/2007 quando estivemos presentes representando a APOLO - Academia Poçoense de Letras. Além da viúva, filhos e genros, sua irmã Stella e demais parentes, também compareceram o jornalista Geremias Macário, o fotógrafo José Carlos d'Almeida, o Pe Edilson Mendes e outros amigos. Várias pessoas usaram da palavra, cabendo-me falar sobre a participação do querido Ruy nas academias de letras de Vitória da Conquista e na APOLO, esta última como Membro Honorário.
Ruy nasceu em Vitória da Conquista a 27/11/1938.  Faleceu em Salvador, a 25/11/2007. Geofísico, doutor em Harvard - EUA , com pós graduação no Japão, foi professor da UESB até 1992. Fundador da Academia Conquistense de Letras, Membro  Efetivo da Academia Serrana de Letras, Fundador da Academia de Ciências e Membro Honorário da nossa APOLO, o Dr. Ruy Bruno escreveu dois livros sobre a saga de  Antonio Conselheiro, um dos quais, CANUDOS: ASSASSINATO DA LIBERDADE fez muito sucesso. Além de geógrafo e geofísico, era poeta, ensaísta, romancista e historiador.
                           Ricardo De Benedictis

POEMAS DE SUA AUTORIA:

TRILOGIA

A trilogia é uma só
Nascimento, vida e morte
Tudo é o mesmo processo

Deixei de temer a morte,
Porque descobri que nada possuía
Só uma coisa estava comigo,
O meu lado espiritual.
Este realmente é único e verdadeiro
Passei a viver
Sem pensar em risco, vida e morte...

SEM TEMOR

 Não há prece
Se não há amor

A poesia é minha oração
Vou com ela vencendo os desafios

A luz que vem de cima
Alimenta meu coração,
E dentro das trevas
Não temo a escuridão.

O pão do poeta
É a ilusão,
De saber que existe
No firmamento
Uma grande mão
Que lhe conduzirá
Em busca do incognoscivel.

E derramando poesias,
Vou cumprindo meu destino
Não tenho nada a temer,
A poesia é minha arma...

E quando chegar ao fim
Na minha lápide
Mandarei escrever:
Aqui jaz um poeta
Nos muitos versos que escreveu
A morte jamais temeu!

Ruy Bruno Bacelar de Oliveira
Ricardo De Benedictis
Enviado por Ricardo De Benedictis em 03/12/2007
Reeditado em 05/12/2007
Código do texto: T762546

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ricardo De Benedictis
Vitória da Conquista - Bahia - Brasil, 78 anos
1240 textos (280216 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/12/17 05:05)
Ricardo De Benedictis