Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

***MEU PRIMEIRO AMOR (VERSÃO CARTA)***

Meus melhores momentos contigo passei, eu te amei como um menino,
e por isso sofro. Uma, duas, três,... Infinitas vezes até hoje sofro por este amor. Por você fiz loucuras, e as faço até hoje dos sonhos, reais e irreais eu sempre te amei e ainda te amo é impossível te esquecer meu primeiro amor. Minha namorada enamorada meu único amor, esperei por você, ainda te espero um infinito. Imploro todos os momentos, a tua chegada e me recordo de você, te vejo ainda tão presente aqui. O amor que ainda sinto por você é verdadeiro e leal, te amar amada me faz tão bem e tão mal. Meu primeiro amor de tanto amor e desengano, o meu amanhecer sempre me traz a tua recordação. Renovo todas as esperanças de te reencontrá-la um dia, resta-me ainda te dizer: Ainda te amo amada, meu primeiro e único amor, que amo.

José Aprígio da Silva
Feito: 07/06/08 – 10h02.


JOSÉ APRÍGIO DA SILVA
Enviado por JOSÉ APRÍGIO DA SILVA em 07/06/2008
Reeditado em 09/06/2008
Código do texto: T1023385


Comentários

Sobre o autor
JOSÉ APRÍGIO DA SILVA
Ceilândia - Distrito Federal - Brasil, 61 anos
1920 textos (183077 leituras)
1 áudios (52 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/04/21 17:05)
JOSÉ APRÍGIO DA SILVA