Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

QUANDO VOU DIZER: FAZ TANTO TEMPO MAS A TRISTEZA NÃO ME DEIXA ESQUECER

 

     NÃO. SE QUER SABER NÃO CREIO MESMO QUE ESTE SONHO CHEGUE INTACTO AO PROXÍMO VERÃO,
E ESTES DIAS SÃO DE TÉDIO COM VOCÊ OU NÃO,
NADA PARA NÓS TEM SIDO COMO OS SERIADOS DA TELEVISÃO,
TUDO BEM EM SER O CULPADO POIS FOI EU QUEM DISSE O ''DEVEMOS AO MENOS TENTAR.
''
VAMOS VER ATÉ QUANDO VOCÊ VAI FINGIR NÃO SE IMPORTAR .

     NÃO DEPOSITO GRANDES ESPERANÇAS EM COISAS QUE NÃO OUSO ACREDITAR,
E HOJE CONCORDANDO NÃO ME BEIJE SE DEPOIS VAI DIZER COISAS QUE VÃO ME MACHUCAR.
      PORQUE MESMO NÃO TENHO CORAGEM DE FALAR, AS FERIDAS VÃO CUSTAR A MORRER, NUNCA MORRERÃO. SABE.  NA VERDADE NÃO É NADA COM VOCÊ, O PROBLEMA É QUE NÃO ME TENHO PODENDO SER FELIZ, TENHO VERGONHA DE SER CAPAZ DE AMAR E CREIO QUE NÃO PRETENDE SENTIR O NEGRO SÉPIO DA NOITE TODAS AS VEZES QUEDIZER UM OLÁ AMOR, BOM DIA OU COMO VAI.
   SERIA TÃO SORDIDO NÃO TER NADA AGRADAVÉL PARA OFERECER COMO RESPOSTA, ALGO VERDADEIRO E CONCRETO COMO A REAL ILUSÃO QUE SEI FICOU NO CORAÇÃO.
   
DIEGO HUXLEY
Enviado por DIEGO HUXLEY em 07/10/2007
Reeditado em 23/04/2008
Código do texto: T684296


Comentários

Sobre o autor
DIEGO HUXLEY
Sobradinho - Distrito Federal - Brasil, 33 anos
221 textos (11406 leituras)
1 áudios (42 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/02/21 13:33)
DIEGO HUXLEY