Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

QUANDO VOU DIZER: FAZ TANTO TEMPO MAS A TRISTEZA NÃO ME DEIXA ESQUECER

 

     NÃO. SE QUER SABER NÃO CREIO MESMO QUE ESTE SONHO CHEGUE INTACTO AO PROXÍMO VERÃO,
E ESTES DIAS SÃO DE TÉDIO COM VOCÊ OU NÃO,
NADA PARA NÓS TEM SIDO COMO OS SERIADOS DA TELEVISÃO,
TUDO BEM EM SER O CULPADO POIS FOI EU QUEM DISSE O ''DEVEMOS AO MENOS TENTAR.
''
VAMOS VER ATÉ QUANDO VOCÊ VAI FINGIR NÃO SE IMPORTAR .

     NÃO DEPOSITO GRANDES ESPERANÇAS EM COISAS QUE NÃO OUSO ACREDITAR,
E HOJE CONCORDANDO NÃO ME BEIJE SE DEPOIS VAI DIZER COISAS QUE VÃO ME MACHUCAR.
      PORQUE MESMO NÃO TENHO CORAGEM DE FALAR, AS FERIDAS VÃO CUSTAR A MORRER, NUNCA MORRERÃO. SABE.  NA VERDADE NÃO É NADA COM VOCÊ, O PROBLEMA É QUE NÃO ME TENHO PODENDO SER FELIZ, TENHO VERGONHA DE SER CAPAZ DE AMAR E CREIO QUE NÃO PRETENDE SENTIR O NEGRO SÉPIO DA NOITE TODAS AS VEZES QUEDIZER UM OLÁ AMOR, BOM DIA OU COMO VAI.
   SERIA TÃO SORDIDO NÃO TER NADA AGRADAVÉL PARA OFERECER COMO RESPOSTA, ALGO VERDADEIRO E CONCRETO COMO A REAL ILUSÃO QUE SEI FICOU NO CORAÇÃO.
   
DIEGO HUXLEY
Enviado por DIEGO HUXLEY em 07/10/2007
Reeditado em 23/04/2008
Código do texto: T684296

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
DIEGO HUXLEY
Sobradinho - Distrito Federal - Brasil, 30 anos
221 textos (11183 leituras)
1 áudios (42 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 10:06)
DIEGO HUXLEY