Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMOR ADOLESCENTE

Fernando acordou com o sol, já alto batendo em seu rosto, olhou para o lado e viu Maria, linda dormindo...Nossa estava atrasado para o trabalho! E, Maria o que falar para a mãe dela? Sim, chegou a realidade de novo. Temos que ir. Beijou suavemente  os lábios de Maria que ela acordou de leve e foi abrindo os olhos quse sem entender onde estava, de repente pulou:
-Estou nua!- e correu colocar suas roupas...o que fez Fernando rir muito, depois de tudo que tinham passado...
- Vc devia colocar as suas também , em vez de rir de mim, Fer. – olhou pro corpo dele e estremeceu com as lembranças – o que foi que nós fizemos!
-Amor minha linda, falou ele colocando a calça sem pressa... –
-Terei que entrar pela janela... – como iria explicar para sua mãe...
- E, eu que tinha uma reunião logo cedo e já são nove horas, temos que ir, pois provavelmente seus pais já colocaram a polícia atrás de vc...
Foram descendo e Fernando a deixou em frente  da sua casa, escondido , porque ninguém poderia ver que os dois passaram a noite juntos...beijaram-se apaixonadamente e nada disseram...só um olhar...um adeus...um sei lá...
Fernando não tinha pressa de chegar em casa, seus pais deveriam pensar que dormiu na casa de Maíra. Mas, quando dobrou a rua de casa, seu rosto ficou vermelho, sua realidade chegou rápida demais, o carro de Maíra estava estacionado em frente à padaria...
Foi entrando devagar...
-Fernando, seu louco! Onde estava até agora? – Juan estava desesperado!!!!
- Onde ela está? – perguntou sem saber o que fazer, o que dizer, como reagir a perguntas...
- Esta na sala de sua casa discutindo as músicas para o casamento e sua mãe está conseguindo se controlar como pode...e seu pai...ah coitado está andando de um lado para o outro...ainda mais que ele desconfia de onde vc estava...
- Vc contou Juan? – Quase gritou Fernando
-Não, você acha que seu pai não sabe das coisas que acontecem por aqui? Agora eu vou avisá-lo e vc sobe com um desculpa muito boa...
Fernando ia subindo degrau por degrau, o que iria dizer? Ai minha doce Maria, não se arrependia da noite que passaram juntos, mas tinha medo da reação de Maíra, que o tinha como um precioso brinquedo, era isso que era para ela, um brinquedo de luxo, como todos os que teve até hoje. Ficou com raiva dela, de si, do mundo. Sentou no degrau. Levantou e abriu a porta com a cara mais santa do mundo.
-Maíra, minha cara, fiquei muito feliz em ver seu carro! Mas, oq eu faz aqui tão cedo? – sentou-se ao lado dela dando um beijo estalado em suas bochechas.
-Vim discutir as músicas de casamento, mas vc não estava, então sua mãe fez a gentileza de me agüentar falando da minha felicidade e de todos os preparativos para o casamento – sorriu como uma anja para sua mãe, que olhou para ele, ele que pôde ver em seus olhos que iriam ter uma longa conversa...
-Sim, querida.
-Mamãe, está liberada, agora eu assumo minha linda noiva. – sentou-se ao lado dela que tinha um MP alguma coisa para escutar suas músicas preferidas – olha essa amor, que linda para a entrada, pensei num casamento sem marcha nupcial, muito comum, vou entrar com uma música bem moderna e romântica, Same Mistake, conhece James Blunt, não vc não deve conhecer, passa horas trabalhando... e a música começou a tocar...
Fernando não desmaiou por pouco, era a música que a Maria tinha escolhido para eles, naquela noite especial...sentiu-se tão tonto que quase ia gritar para parar de tocar, quando ela terminou e Maíra começou a falar sem parar... sua cabeça doía, sua alma estava dilacerada, e seu dia...seu dia...queria que fosse noite que o tempo voltasse e fosse novamente jogar pedras na janela de Maria...
Mariani Batista
Enviado por Mariani Batista em 17/12/2011
Código do texto: T3393352

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Mariani Batista
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 50 anos
433 textos (39566 leituras)
5 e-livros (297 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/05/21 08:36)
Mariani Batista