Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

 VIDA DANDO CHANCE
APÓS MORTE
Toni tinha 22 anos quando estava na sua casa no bairro Scharlau/RS e no dia em que estava saboreando um apetitoso café, sentiu que o coração não estava mais pulsando... não sentiu dores, mas sim uma calma e uma liberdade, mas sentia que a vida queria lhe abandonar naquele momento... sentiu alguém lhe oferecer uma xícara de chá, e que ele deveria engolir e para que isso ocorresse, a pessoa puxou a sua língua com o dedo,  aplicando-lhe a dosagem do chá lhe daria um choque de temperatura e que seria a sua salvação, pois a pessoa que o atendia alegou que seu coração não estaria pulsando e que sua morte seria por questões de minutos.
Toni se viu distanciando para o alto com um corpo em forma de luz e conseguia ver seu corpo deitado com o coração sem as suas funções e soube que aquilo seria a sua morte... mas ao mesmo tempo que seu espírito se distanciava do corpo, foi informado pelo seu guardião que as sua obrigações com a vida ainda não estavam cumpridas. Isto foi um alerta para a vida continuar... ouviu ainda: > o teu guardião e outros guias te auxiliarão, mas não esqueça de amparar o seu irmão Ricardo que está necessitando da tua ajuda... então o Toni voltou da quase morte para a vida a fim de cumprir junto com seus gestores guias as obrigações faltantes.
 Em 28 de Abril de 1988 o pai do Toni faleceu e antes disso acontecer pediu para que o Toni não se esquecesse de amparar o seu irmão Ricardo, que é atualmente funcionário da empresa do Toni, que cumpriu uma das promessas que fez para receber uma nova chance de vida. Um conto com um final feliz.
Scaramouche
Enviado por Scaramouche em 11/07/2018
Código do texto: T6387535
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Scaramouche
São Leopoldo - Rio Grande do Sul - Brasil, 74 anos
264 textos (10052 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/07/18 23:24)
Scaramouche