Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DONA COTINHA



Escondida  no mato fez seu ninho, todas as manhãs saia cedinho botava seus ovos cobria para proteger e voltava como se estivesse vindo de um belo passeio matinal. Dona Cotinha chocou oitos ovos e não via a hora de voltar para o terreiro  com sua ninhada. Toda cuidadosa  não arredava o pé com medo que algum animal faminto atacasse seus filhotinhos ainda dentro da casca do ovo.
Era uma manhã daquelas em que o sol acorda antes da hora, assim que o tempo se aqueceu um por um os ovos foram se quebrando, de dentro lindos e fofos pintinhos amarelinhos saiam piando como se estivesse com frio.
Dona Cotinha estava radiante de tanta felicidade, agora era mãe de oito lindos filhotinhos.
Os dias se passaram os pintinhos já sabiam ciscar em busca de alimento o que aprenderam muito bem os ensinamentos da mamãe.
Enquanto a mamãe tirava seu cochilo da tarde os pintinhos brincavam corriam batendo as asinhas ainda sem penas, quando um  gavião por ali passou no seu voou rasante  correram assombrados lembrando  dos avisos da mamãe, os oito  se enfiaram embaixo das asas da protetora mamãe.
 O gavião rondava por perto, os pintinhos colocavam a cabeça fora das asas da mamãe e se recolhiam com medo de acabar no bico daquela ave de rapina.
irá rodrigues
Enviado por irá rodrigues em 13/02/2019
Código do texto: T6574043
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
irá rodrigues
Santo Estevão - Bahia - Brasil
3969 textos (62992 leituras)
16 e-livros (495 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/05/19 05:49)
irá rodrigues