Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A HISTÓRIA DE MARIANA

Mariana, uma jovem de apenas 22  anos, 1,70m, 65 kg, morena e de uma elegância de colocar inveja em outras garotas, viera residir naquele bairro de classe média  alta, há muito pouco tempo.
Na rua em que mudara, como em outra qualquer rua, havia um barzinho que era o point da rapaziada local. Ali eles discutiam de tudo, futebol, músicas , política e, principalmente, garotas.
ùltimamente, o que eles mais discutiam era a tal garota, que se mudara para a rua a bem pouco tempo. Quase nada sabiam da garota, que diàriamente, ao sair de casa, passava perto do tal barzinho, com toda a elegância e charme, porém, sequer olhava para os rapazes. Fato este que os intrigavam e chegavam até a pensar de que ela não gostava de rapazes. Isto ocorreu durante o ano inteiro. Alguns mais atrevidos tentavam chegar perto da moça, que não os dava nenhuma atenção. Outros a seguiam mais de perto e viam que ela tomava um ônibus em direção ao centro da cidade.
Enfim, a rapaziada ficava curiosa em saber o que aquela jovem fazia todos os dias ao passar por eles e onde seria que ela ía. Até que um grupinho resolveu bisbilhotar melhor a vida da garota. Foram até a sua casa em um dia que ela já havia passado. Bateram à porta e quem os atendeu foi uma senhora de meia-idade e disse ser a sua mãe. Só ficaram sabendo que a moça chamava-se Mariana, porém não conseguiram saber mais nada, a não ser o pedido da senhora que  deixassem a sua filha em paz, pois ela realmente era uma menina especial e jamais pensaria em namoros. Tal informação deixou o grupo de rapazes ainda mais curiosos, pois não imaginavam o que aquela bela jovem fazia na vida. Foi aí que planejaram um meio de seguí-la, porém, sem dar muito na pista, sòmente um dos rapazes a seguiria até ao centro da cidade para ver onde ela iria parar. Foi, porém, ao voltar, dissera aos amigos que sem ela perceber, descera no mesmo lugar que ela. Mas, que ela imediatamente, pegou um taxi e ele não pode mais seguí-la. O mistério deixou os rapazes ainda mais loucos de curiosidades. Pensaram, onde ela iria de taxi ou, o que faz aquela jovem na vida?  Fizeram um outro plano, ou seja, o de seguí-la de  carro e na hora em que ela pegasse o taxi iriam atrás para ver onde ela iria parar. E assim foi feito, porém, quando chegaram no final do percurso da tal moça, tiveram uma resposta para a grande curiosidade que tinham. Mariana, a linda  e encantadora jovem, tinha uma grande tarefa em sua vida: "AJUDAVA EM UM CONVENTO A CUIDAR DE MUITAS CRIANCINHAS ÓRFÃS'. Trabalho êste que havia começado quando, ainda muito jovem, perdera em um desastre de automóvel, o seu pai e sua irmâzinha, de apenas 3 aninhos. Ficara somente com sua mãe e por isso, resolveu dedicar toda a sua vida naquele convento. Só não ficara definitivamente lá porque tinha ainda a sua mãe para cuidar.  
pauloromano
Enviado por pauloromano em 10/08/2007
Código do texto: T601336

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
pauloromano
Nova Iguaçu - Rio de Janeiro - Brasil, 76 anos
274 textos (58974 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/05/21 04:26)
pauloromano