Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Unidade 731: Chegada à base militar - pat. 2

Já era noite quando o avião aterrissou na base japonesa. Chovia muito e uma pequena comitiva de seis militares e três automóveis agaurdava o visitantes alemães, à frente da formação o estava um jovem oficial de baixa estatúra porém de porte físico avantajado, lembrava um esportista.

- Seja bem vindo major Skorzeny, a presença do senhor nos honra. - disse o jovem oficial inclinando-se para frente em sinal de reverência ao recém chegado e continuou - Sou o capitão Matsuda, serei encarregado de auxilia-lo durante sua estadia em nossa base.

- Obrigado, capitão, é um prazer conhece-lo. - Skorzeny estava cansado pela viajem de dias que acabara de realizar e não via a hora comer algo quente e descansar. Por mais que quisesse adiantar os trâmites, sabia o valor que os orientais davam aos rituais sociais de apresentação e conteve-se, resolveu ser gentil - O seu domínio do idioma germânico é  admirável!

- Obrigado, engajei muito jovem na kempeitai e servi por anos nas embaixadas do Império pela Europa, especialmente em Berlim. - o jovem oficial sorria e sua fala era plácida - Mas vamos para os carros, seu guarda-chuva não está sendo muito eficiente na missão de manter-lhe seco, se me permite dizer. - era tudo que Skorzeny queria ouvir.

Pelas janelas do automóvel não se via muito além da escuridão da noite, porém era evidente a grandiosidade das estalações. Um intricado complexo de edifícios de arquitetura simples porém que cumpriam bem suas finalidades. Skorzeny também observou o que parecia uma pequena vila, cerca de cinco quilômetros dali.

- Capitão Matsuda, aquela vila a oeste, é onde os familiares dos soldados vivem?

- Ali? Não, não. Nossos soldados não têm família aqui em Manchukuo, em nossa base só entram pessoas devidamente autorizadas devido a natureza crítica de nossas pesquisas.

- Então do que se trata? À primeira vista parece ser muito bem estruturada. - Apesar do cansaço, Skorzeny estava disposto a descobrir o quanto antes tudo sobre o lugar misterioso onde estava.

- Major Skorzeny, aquele lugar é uma parte essencial em nosso trabalho. Amanhã o senhor será posto a par de tudo o que realizamos na Unidade 731. Por hora o senhor deve recuperar suas forças.Solicitei que postergassem o jantar em honra de sua comitiva e do senhor. - o mesmo sorriso amigável estampava o rosto de Matsuda - Seus aposentos serão ao lado dos meus, no alojamento de oficiais administrativos, dessa forma o senhor poderá me procurar a qualquer momento que seja oportuno.

- Ótimo! Assim amanhã bem cedo iniciaremos o cronograma. - quanto mais cedo terminasse a vistoria, mais rápido regressaria à civilização. - Mais uma coisa,  capitão, o senhor disse que faz parte da Kempeitai, certo?

- Sim, senhor.

- Doque se trata, seria como a nossa SS? - Skorzeny não sabia muitos detalhes da organização militar japonesa, não obstante ele julgava necessário conhecer quembo recebia.

- A grosso modo sim, mas na realidade somos a polícia militar do Exército Imperial, nossas atribuições são variadas... - Matsuda fitou o visitante, não lhe agradava ser interrogado por bárbaro, mas esforçou-se para manter o verniz social - Chegamos!

O alojamento dos oficiais era um edifício de cinco andares e extenso horizontalmente. Na cor branca e repleto de janelas que davam para o pátio usado para educação física dos soldados, nao era nenhum hotel cinco estrelas, mas ele já havia estado em lugares piores. A chuva não dava tréguas, mesmo assim cerca de cinquenta soldados estavam em formação em frente ao alojamento à espera de todos. A disciplina era admirável e impressionava até mesmo a Skorzeny, oriundo das fileiras so exército prussiano.

[CONTINUA]
Irlandês
Enviado por Irlandês em 08/01/2018
Reeditado em 09/01/2018
Código do texto: T6220760
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Irlandês
Vitória - Espírito Santo - Brasil
29 textos (2052 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/09/20 16:54)
Irlandês