Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

( imagem: antonio cruz - agencia brasil )
 
SÃO GILMAR

Malandragem sem espanto,
Em festa, a refastelar:
Se tem colarinho branco
E apelar ao São Gilmar,
Rezando para esse “santo”,
A sentença – eu garanto –
De prisão vai relaxar.



( Setenciando lá atrás com "VALHA-ME SÃO GILMAR" de Stelo Queiroga.  
  ... E este santo parece mais ativo que nunca, nestes dias... )



Brilhante tréplica de Stelo Queiroga:

 
Solto a esquerda e a direita 
Livro o ataque e a defesa 
Anistio qualquer crime 
Não importa a natureza
Solto intestinos e gases
Meliantes contumazes
Solto até a língua presa
George Gimenes
Enviado por George Gimenes em 11/06/2018
Reeditado em 16/10/2018
Código do texto: T6361132
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
George Gimenes
Cambridge - Ontario - Canadá
450 textos (28653 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/18 08:29)
George Gimenes