Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Começando com Luiz Gonzaga

ocasião nos ofereceu uma talagada de aguardente, segundo ele, para abrir o apetite. Neste momento, aconteceu um diálogo entre eu e ele que nunca esqueci, e que faço, agora, questão de documentar como o mais delicioso momento vivido por mim na Polícia:
O Rei – Vamos tomar uma talagada para abrir o apetite?
Eu – Não bebo seu Lula, me desculpe!
O Rei – Você não bebe, mas gosta de jogo de azar?
Eu – Também não gosto de jogo de azar!
O Rei – Não bebe nem joga, mas gosta de Zona pra sarrar com as “mocinhas” de lá?
Eu – Também não gosto de Zonza, prefiro mulher reservada, coisa mas íntima!
O Rei – Não bebe, não gosta de jogo de azar e não aprecia uma zona. Mas gosta de um toquinho nas feiras pra engordar o orçamento?
Eu – outra coisa que não faço, prefiro outros meios para ganhar dinheiro extra!
O Rei – Diabos!... Você  não bebe, não zona, não joga e não come tôco. Meu jovem, Você está no lugar errado. Saia da Polícia e entre para um Seminário!

O diálogo aconteceu de forma tão especial e espontânea, que não me melindrou nem atingiu a PM. O homem sabia das coisas.
Mais adiante, respondeu assim a uma pergunta minha, sem demonstrar rancor ou mágoa, porém com desalento:
- Apesar de ser um cantor famoso em todo o Brasil, hoje eu morreria de fome se tivesse que ganhar a vida cantando minhas músicas em meu sertão. A juventude daqui só pensa em discoteca!
Na ocasião tive a oportunidade de conferir sua queixa: Existiam na cidade cinco discotecas funcionando a todo vapor.
Mais que contar essa história,  quero prestar uma homenagem a seu Lula, um ídolo e por uma nobre concessão sua, um amigo. Para isso fiz uma quadrinha rude, sem qualidade, compensada porém pelo carinho e pela admiração que lhe devoto. Tenho absoluta certeza de que lá do céu, ele saberá perdoar a minha incompetência poética:

 Quem não gosta de cachaça
 Roleta tôco e cabaré
 Pode ser quarquer desgraça
 Bom sordado é que não é.

Obs: Esses foram os primeiros versos que fiz na vida, tinha eu então 54 anos.


 Visitem meu canal no Youtube, clik lelces xavier. Lá tem muitos vídeos divertidos. Aguardo sua visita. Abraço.
Poeta lelces Xavier
Enviado por Poeta lelces Xavier em 01/01/2019
Código do texto: T6540120
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Poeta lelces Xavier
Paulista - Pernambuco - Brasil, 78 anos
373 textos (4424 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/11/19 18:35)
Poeta lelces Xavier