Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Viagem a Pio IX

Quatrocentos ou quinhentos?
Seis horas ou mais?
Não importa a distância
Vou é com gosto de gás
Na BR-316, Demerval e Lagoa
Passo vexado demais

Monsenhor Gil e Barro Duro
Com as matas de Cocais
Até Passagem Franca
Vão ficando para trás
Um café em Elesbão
Deixa aceso e fulgás

Numa piscada de olhos
Vou passando de Valença
Observo a esquerda
A cidade bem serena
Lembro-me boas farras
Do Crovapi e as falenas

Vejo Inhuma de relance
Em Ipiranga nem pisco
Os seus brejos me encantam
Na paisagem me inspiro
E pé na tábua de novo
Ronca forte em alto giro

Por fora de Dom Expedito
Passo despercebido
Na Serra da Mirolandia
Me aumenta a libido
Pra comer uma castanha
Ou um caju escolhido

Com cuidado e perícia
Desço a Serra de Picos
Nossa cidade modelo
Atravesso atrevido
Bode assado no almoço
Mata bem o apetite

Cortando o sertão afora
Sigo a rota do caju
Entrando na BR-020
Vejo a linda serra azul
Santo Antônio dá boas vindas
Com seu suco de caju

Chico Santos e Monsenhor
Passo só pela entrada
É o sinal que tá chegando
O fim da minha jornada
Subo a serra empolgado
E entro na terra amada

O posto Fortaleza II
Fica logo na divisa
Chego na baixa do poço
E já sinto aquela brisa
Com cuidado, entro à direita
Pouco antes da Capisa

Os projetos na estrada
Passo cheio de amor
No São Luiz desço a serra
E já sinto um bom calor
Do povo que me espera
Sempre cheio de humor

De longe avisto a igreja
Coração logo dispara
A sensação se repete
Toda vez nessa estrada
Chego na terra querida
E já me sinto em casa

Quatrocentos ou quinhentos?
Seis horas ou mais?
Venho sempre a Pio IX
Nunca deixo para trás
Meu sertão, minha cultura
E cada volta é o mesmo gás.
PG Alencar
Enviado por PG Alencar em 03/12/2019
Reeditado em 04/12/2019
Código do texto: T6809545
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (PG Alencar) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
PG Alencar
Teresina - Piauí - Brasil, 47 anos
138 textos (8433 leituras)
1 áudios (175 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/19 00:23)
PG Alencar