Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tudo no mundo eu enfrentaria, Pra você me ter no seu coração.

Brigaria desarmado contra Zeus
Enfrentaria sozinho os troianos
Descutiria com todos os humanos
Teimaria com o nosso maior deus
Na sua ida não diria adeus
Aceitaria os males da paixão
Dormiria por dois anos no chão
Só tomaria banho numa bacia
Tudo no mundo eu enfrentaria
Pra você me ter no seu coração

Eu dormiria vestido no calor
Tomaria banho gelado no frio
Iria a pé de Campo Grande ao Rio
Não gritaria mesmo ao sentir dor
Me transformaria no Cristo salvador
Eu voaria na asa dum avião
Descobria os mistérios do pavão
Osama Biladem eu prenderia
Tudo no mundo eu enfrentaria
Pra você me ter no seu coração

Eu viajaria montado num jumento
Pra defender sua honra caprichosa
Não temeria a bruxa mais horrorosa
Sem desobedecer ao juramento
Do mundo faria um esquecimento
Por você eu viveria num porão
Venceria Pablo, sem inspiração
Numa dura disputa de poesia
Tudo no mundo eu enfrentaria
Pra você me ter no seu coração

Enfrentaria um tufão sem tremer
Deixaria a doçura dos teus braços
Pra viajar por anos pelo espaço
Faria no sertão do Ceara chover
Faria o mundo parar de beber
Faria do mundo uma ilusão
Entraria no olho do furacão
Sem medo e vivo de lá sairia
Tudo no mundo eu enfrentaria
Pra você me ter no seu coração

Pablo Vinícius de Oliveira Albuquerque
Enviado por Pablo Vinícius de Oliveira Albuquerque em 05/12/2007
Código do texto: T766267

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Pablo Vinícius de Oliveira Albuquerque
Janduís - Rio Grande do Norte - Brasil, 25 anos
49 textos (3140 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 08:41)
Pablo Vinícius de Oliveira Albuquerque