Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ATRIZ ALMA CASTRO

HOMENAGEM À ATRIZ ALMA CASTRO

Nelson Marzullo Tangerini

                   Dinah Marzullo Tangerini, minha mãe, ex-atriz da Companhia Teatral Alda Garrido, durante toda a sua vida [viveu 88 anos], guardou inúmeros documentos históricos valiosos: trabalhos de meu pai [poesias, caricaturas, partituras, letras de música, crônicas], além fotos da família e de amigos do teatro. Alguns desses trabalhos já foram publicados no jornal Polegar.
                   Recentemente, o periódico novoamburguense publicou, pela primeira vez, uma foto inédita da atriz gaúcha Emma D´Ávila, deixando-me com um sorriso de um lado a outro. O primeiro motivo do sorriso é que nenhum outro jornal se interessou pela publicação desses documentos históricos; o segundo, porque Emma foi uma grande estrela e está belíssima na foto.
                   Publico, agora, uma foto da atriz Alma Castro, ex-estrela da Companhia Teatral do italiano Jacomo Rosário Staffa [Empresa J. R. Staffa]. Ela também autografou uma foto para minha mãe, sua amiga.
                   Farejei vários sites à procura de informações sobre esta Alma belíssima. Quando nasceu? Quem eram seus pais? Quando se interessou pelo teatro? Casou-se? Teve filhos? Quando morreu [se morreu]? Nada soube.
                   Como uma atriz pode sumir assim, no pó das estrelas?
                   Influenciado pelo jornalista e memorialista Jotaefê, que nos deixou inúmeras histórias resgatadas em seu livro Meninos eu vi, propus-me, também, a trabalhar em cima de documentos deixados pelos meus pais, revivendo, assim, o passado histórico de nosso teatro.
                   Através do site de busca do Google, soube apenas que um dos últimos trabalhos de Alma foi em 1968, ao lado da atriz gaúcha Carmem Silva:

                   “Em 1968, decidida a montar sua própria companhia de teatro, Carmem volta para o sul, onde permanece um ano trabalhando como radioatriz na Rádio Gaúcha ao lado de radioatores  como Adroaldo Guerra, Aída Terezinha, Alma Castro e Walter Ferreira”. (1)

                   Passo a descrever, aqui, a parte de trás do cartão [foto] de Alma Castro, na esperança de que algum leitor - profundo conhecedor da história de nossos palcos e de nossas rádios - me dê maiores informações sobre a atriz e a companhia do Signore Staffa:

                  “Para a mais elegante platéia da metrópole, esta empresa vem de organizar magnífico elenco de comédias musicadas, através das quais proporcionará aos freqüentadores do TRIANON os mais brilhantes e requintados espetáculos do Rio.
                  O teatrinho da Avenida, depois das transformações por que vem de passar, realmente corresponde ao título que lhe deu o público, chamando-o a “elegante boite”, e certo constituirá o ponto de reunião de toda a elite carioca.
                  A inauguração de sua temporada de “musical-comedy”, a mais moderna forma do teatro parisiense e new-yorkino, será a 2 de Outubro, em sessões às 20 e 22 horas, com os três atos lindos de Henrique Pongetti – SEM CORAÇÃO.
                  Peça que se afina perfeitamente com a sensibilidade de um auditório de “jeunesfilles”, satisfazendo ainda aos  preferem espetáculo de inteligência e de bom-gosto, além disso apresentada  com a mais exigente “mise-em-scéne”, convidamos v. excia. e exma. família para assisti-la  em “première” na noite acima apontada.

                  Respeitosamente,

                                    EMPRESA J. R. ESTAFFA.” (2)


                   Se viva fosse, minha mãe, certamente, gostaria de ler esta crônica que escrevi para uma de suas melhores amigas. Porque Dinah sempre nos falava carinhosamente da talentosa e bela atriz Alma Castro.
..............................................................................................................................

(1) http://www.memorialdafama.com/artistas/CarmemSilva.html
(2) No texto da Empresa J. R. Staffa, apenas a ortografia foi atualizada.
..............................................................................................................................

Nelson Marzullo Tangerini, 53 anos, é  escritor, jornalista, poeta, fotógrafo e professor de Língua Portuguesa e Literatura. É membro do Clube dos Escritores Piracicaba [ clube.escritores@uol.com.br ], onde ocupa a Cadeira 073 – Nestor Tangerini.

nmtangerini@gmail.com, nmtangerini@yahoo.com.br

www.recantodasletras.com.br

http://nelsonmarzullotangerini.blogspot.com/

http://www.doalegrete.com.br/ Clicar em SOU DO ALEGRE.
Nelson Marzullo Tangerini
Enviado por Nelson Marzullo Tangerini em 13/11/2008
Código do texto: T1280977
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Nelson Marzullo Tangerini
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 64 anos
310 textos (24098 leituras)
9 e-livros (127 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/10/19 16:29)
Nelson Marzullo Tangerini