Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
FUTEBOL, EMOÇÃO E FRUSTRAÇÃO
 
Antoni BigCuore*
 
 
 
A Copa do Mundo é, sem dúvida, o maior evento futebolístico do planeta, empolgando e emocionando bilhões de seres humanos, espalhados pelo globo.
 
Mormente, para nós brasileiros. Infelizmente a nossa seleção, voltou mais cedo para casa ao perder de 2 x 1 para a seleção da Holanda.
 
Todo brasileiro que assistiu àquele jogo, não acredita no que ocorreu no segundo tempo!.
No primeiro, o Brasil ganhava de 1 x 0 e poderia ter matado o jogo ali mesmo, metendo uns 4 x 0!. Claro que isto, em teoria é muito bacana. Mas, era o que transparecia, pelo menos. (deu saudades do Ganso, Neimar e Ronaldinho Gaucho).
 
Como imaginar que a melhor defesa do mundo, poderia tomar dois gols “bobos” daqueles? Mas tomou...
A impressão que dava era que os brasileiros teriam tomado alguma coisa no intervalo para voltar tão apáticos como voltaram. Ninguém, em sã consciência acredita no que viu!
 
A seleção da Holanda, pelo que pude perceber no jogo do Brasil e, hoje no jogo contra o Uruguai, ela no primeiro tempo, dá corda para o adversário “se enforcar”, ou seja, deixa que ele tenha o domínio da posse de bola, faz o adversário, com isto, se cansar bastante para, no segundo tempo, vir com tudo para cima do oponente, triturando-o.
Joga no 4 – 3 – 3, diferente do Brasil, por exemplo.
 
A Holanda tem um estilo, desde a famosa laranja mecanica de 1974, semelhante às equipes americanas de basquete.
Quando tem a posse de bola, vai todo o time para o ataque. Quando perde a posse de bola, recua todinha para marcar. (formando uma cerca em volta da bola).
 
Acho, em meu modesto entendimento, que esta é a tendência do futebol moderno.
Uma coisa também ficou clara, até agora neste mundial, não se pode prescindir dos talentos individuais! Jamais!!!
A Holanda tem ganho, em grande parte, devido ao talento de Robin, Sneider e Kuit, lateral esquerdo.
 
Voltando ao jogo do Brasil, nossa seleção veio completamente diferente do primeiro tempo! Apáticos, sem vibração e o que é pior, sem garra!
Os europeus diz, a teoria,  são mais frios que os latinos.
Na verdade, foi uma ducha de água fria o primeiro gol dos holandeses. E ali, pude notar, a teoria do Dr.Daniel Goleman,PhD, de Harvard University, da inteligência emocional.
 
Este grupo, sempre achei desde o começo, que era de baixo nível emocionalmente falando. Baixo cociente de inteligência emocional, sobretudo, o Felipe Melo, que externou todo o seu despreparo ao agredir o jogador holandês, pisando-lhe as pernas.
Todo o Brasil, era só alegria até então.
 
Gente, no sábado, aqui em São Paulo, pudemos notar o “baixo astral” que tomava conta dos paulistanos!
 
O ar estava pesado!. A gente notava claramente a tristeza tomando conta de tudo a nossa volta!. Foi um sábado de ressaca,  com sabor de quarta-feira de cinzas!. O povão todo triste, não tinha ânimo para nada!!!
 
Foi como que se, toda Nação brasileira, tivesse recebido um “upper” no queixo de um peso pesado!
 
O que eu pude depreender até agora da Copa, é que para se tornar um grupo campeão, além da parte física e técnica, é imperativo ter CONTROLE EMOCIONAL, e, isto, parece que nossa seleção não tem, tanto que foi eliminada precocemente.
 
Por que a Alemanha está indo bem?. Por que, além de uma equipe jovem, eles são ótimos tecnicamente. São “frios emocionalmente”; não se abalam por qualquer fator adverso.
Uma pergunta se impõe: como sublimar a frustração da derrota para os holandeses?
 
A nossa sorte, foi que no dia seguinte a Argentina levou um “chocolate” de 4 x 0, da Alemanha, e os brasileiros comemoravam como se fosse a vitória na Copa!
 
É a lei da compensação!. Canalizamos a nossa frustração para o lado da gozação contra os “hermanos”, enganando, assim, o nosso ego ou nos “preocupando” com a volta do campeonato brasileiro. Ufa lelê! Brasileiro sofre!!!(rsss)
 
(*)autor é escritor,cantor e compositor em São Paulo,sp. Acesse seu link: http://www.recantodasletras.com.br/autores/antonibigcuore(texto inspirado em sp.sp, 04l/07/2010, domingo, às 15,49 hrs. e alterado em 06.07.2010).
ANTONI BIGCUORE
Enviado por ANTONI BIGCUORE em 06/07/2010
Reeditado em 06/07/2010
Código do texto: T2361640
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
ANTONI BIGCUORE
São Paulo - São Paulo - Brasil
2586 textos (1020895 leituras)
87 áudios (80706 audições)
1 e-livros (168 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/09/20 10:08)
ANTONI BIGCUORE