Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DOUTOR !...

Essa crônica é uma crítica a Cachoeira Escura,mun. de Belo Oriente,pelo abandono em que se encontra em todos os setores da sociedade.


DOUTOR ! ...

                                   
Suigênera recostou  o cotovelo no portão de ripas paralelas, restos industriais dos nossos sonhos,  deixou o queixo na concha da mão entreaberta, estendeu a visão até onde  seus olhos sexagenários alcançaram e se perdeu na incerteza do amanhã.   Acompanhou a estrada na compaixão de quem olha  um ser querido a extinguir-se  com a lentidão do tempo. E cochilou nas lembranças.
Haveriam sim - Eram seus  pensamentos que o tempo cuidou de  esvanecer - claro que haveriam escolas boas para  o seu filho, o único , porque assim diziam   e se incumbiam de faze-las , e seu filho, então, alcançaria o patamar mais alto que se pode almejar, porque ela e seu marido, já  passeando  nos jardins sagrados,   dariam seu último centavo para vê-lo, assim, formoso, bonito, trazendo  em sua bagagem   diplomas  que falassem de suas andanças pelos caminhos do conhecimento.
Médico, advogado ... Suigênera visualizava na sua  decepção,tão  espessa que poderia tocá-la, e a tocava ,para sentir  o seu filho que cresceu, tentou e  se decepcionou quando  os caminhos  das grandes conquistas  não aceitaram  seus pés no chão.
Voltou no tempo, à sua luta, as previsões  de seus pais que descreviam seus horizontes de aplausos,com luzes e festas. Horizontes de felicidade, de progresso e acreditavam em Suigênera por essa  luta, e a descreviam abraçada  ao troféu que a vida lhe daria, aos troféus  que a vida lhe daria,e de antemão a descreviam e fechavam os olhos  e gesticulavam , visualizando-a, ela também é filha única, como ela visualizava o seu filho naquele momento, como uma canção que enternece  a alma.
E a visão de Suigênera   se perdeu com  a rua, numa esquina  da vida, capenga ambas , mãos dadas, e sua visão de sonhos deram lugar,  então, ao seu filho, que seus olhos já úmidos vislumbraram, metido em uma bermuda  de coloridos fortes, diversos , como retalhos, abaixo dos joelhos, a cueca  exposta como parte dos adereços ridículos que o jovem adotou para  o seu cotidiano.
Suigênera sussurrou  com uma lágrima nos olhos :
- Doutor ...

TiaoNascimento
Enviado por TiaoNascimento em 08/02/2007
Código do texto: T374318

Comentários

Sobre o autor
TiaoNascimento
Belo Oriente - Minas Gerais - Brasil, 71 anos
207 textos (54895 leituras)
41 áudios (3218 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/09/20 07:05)