Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Envolver e Comprometer

Envolver e Comprometer


      Estava eu, aqui, pensando e olhando bem distante, muito além deste momento. Detive-me por algum tempo entre os parâmetros  -do estar envolvido e o estar comprometido.
      Fiquei a imaginar e a rever os fatos marcantes que permearam as fases da minha vida, nesse percurso terreno; selecionei as experiências mais sérias e determinantes que adormeciam no meu arcabouço mental, as quais eu denominei de “lições de vida”. Para minha surpresa, após uma análise desarmada e fiel, constatei que os chamados “fracassos”, “perdas” e/ou “danos”, que abalaram os resultados outrora esperados, frente aos investimentos e aplicações na minha conta de sobrevida, na apólice das emoções, sob o julgo do banco da razão, haviam sido prejudicadas pelas modificações do câmbio externo que passou a sobrepor uma transação com baixa cota e,  aplicações com renda instável, submetidas a juros falsos com resultados cada vez deficitário, além das multas injustificáveis que fechava o balanço geral sempre com déficit, levando a empresa a registrar saldos negativos, acumulando grandes prejuízos.
      Fez-se necessária uma pausa; era chegada a hora crítica, num marco zero; estava tudo perdido...
      De repente, “Eureka!” Um bom guerreiro não abandona a batalha; é preferível morrer defendendo  os   ideais do que escravizar-se ao jugo da tirania. Era chegada a grande hora das mudanças; nas tormentas do mar revolto, a embarcação precisa mudar o rumo para não naufragar, ainda que fosse  preciso trocar o comando e renovar o negócio em voga. A vida exigia uma transformação urgente; a fase era de discernimento, ação e coragem. Os velhos arquivos tinham que ser substituídos e novas atitudes seriam empreendidas  já, com mais atenção, com mais organização, com  a qualificação  melhor definida e  orientada no campo das competições e dos desafios; era mesmo imprescindível a associação do envolver  com o compromisso assumido, ou seja, para que um envolvimento adquira sucesso, é fundamental que haja um comprometimento; que se assuma um compromisso real; porque, se numa relação qualquer, existir apenas um envolvimento, motivado por qualquer que seja o interesse, se o compromisso for deixado em segundo plano, o fracasso chega com o desencanto e a falta de estímulo.
      Para que se chegue as metas desejadas, não basta que que se trace objetivos, não basta que se alimente um sonho e se deseje ser um vencedor; muito mais do que tudo isso, o que move a vida para a frente e para o alto, é o amor, a dedicação, a doação despretensiosa, o respeito pelos valores morais e espirituais, a presença de um caráter justo e honesto, a aplicação de ações positivas e seguras, sem precisar de muito discurso, de tantas palavras vãs. Para que se chegue a glória triunfante, para que se cresça humanamente, a observação, a avaliação e a mudança de estratégia nunca devem ser subestimadas porque são armas simples e poderosas, desde que se aprenda igualmente a controlar a ganância, as avarias das paixões, os impactos das emoções, e ter sempre muita cautela ao levantar os véus dos deslumbramentos na escalada dos valores materiais e das coisas supérfluas.
      Dessa forma, desperto, volto ao meu instante presente, saio do transe e entro na lucidez que me facilita voar verdadeiramente envolvida e comprometida comigo mesma , e com a minha vida.


Claudenice Rosário
Alagoinhas/Bahia/ Brasil
26/01/2018

Claudenice Rosario
Enviado por Claudenice Rosario em 29/01/2018
Código do texto: T6239335
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre a autora
Claudenice Rosario
Alagoinhas - Bahia - Brasil
64 textos (4846 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 01/10/20 12:41)