Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Momentos

Nessa tarde tão suave, em momento de sesta estou, aqui na minha alcova, diante do meu computador, para quem gosta de escrever, quase impossível é ficar distante dessa telinha.
Ouço o barulho do coletor de lixo, são os anjos que colaborando estão na limpeza das ruas. Louvo a Deus por essas vidas, pois trata-se de um trabalho muito penoso, têm toda a minha consideração.
No varal, vejo as blusas penduradas, balançando insistentemente, devido o toque da gélida brisa. Olho para para o alto, vejo um lindo céu azul anil, onde as nuvens foram dissipadas e o sol com seu fraqueiro brilho.
Debaixo da mangueira, vejo os canários e as rolinhas, que minuciosamente olham para o chão em busca de comida, mas não creio que devam estar com fome, pois acabei de alimentá-los com a sua preciosa quirela. Com certeza o uso do cachimbo, põe a boca torta.
Na casa da vizinha, insistentemente ouço o barulho do liquidificador, assertivamente o bolo da tarde está a caminho.
De momentos como esses, a história vai se formando, todavia devido a fatores como inquietação, insensibilidade e tantos outros, vão passando desapercebidos, e o melhor da vida vai escoando para o bueiro.
Simplesmente Gilson
Enviado por Simplesmente Gilson em 12/07/2018
Código do texto: T6387788
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Simplesmente Gilson
Mucuri - Bahia - Brasil, 55 anos
574 textos (22577 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/07/18 15:51)
Simplesmente Gilson