Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Dores

O mundo chora, crianças se matam.
O pavor coletivo ecoa em todas as direções.
Meus irmãos vivem o exílio, o abandono, o esquecimento, a invisibilidade.
A indiferença fomenta as capengas relações.
Lágrimas vertem dos olhos enfadados de enxergar a miséria humana.
Até quando mataremos o nosso semelhante.
O mal obscurece a atmosfera planetária.
As dores enlanguescem os corpos, vazios de esperança.
O aceleramento rompe com o tempo e tudo fica efêmero.
Os sabores dão lugar aos odores fétidos de almas adoecidas.
A depressão está aliada a ansiedade, e ambas estão trabalhando em prol da compulsão, da destruição da espécie humana.
Humanos desumanizados, seres bestiais.
O que estamos plantando no terreno existencial?
Onde pretendemos chegar?
Somos um!
O egoísmo tem nos arrastado para os porões da dor.
O amor se ausenta dos diálogos, das experiências, dos momentos...
Por tudo que seja sagrado na sua vida, isso se existir sagrado no seu existir, veja o outro em você e você no outro.
A faxina planetária é obrigação nossa.
Avante!
Dhiogo J Caetano
Enviado por Dhiogo J Caetano em 11/05/2019
Código do texto: T6644675
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Dhiogo J Caetano
Uruana - Goiás - Brasil
2360 textos (27970 leituras)
583 áudios (11886 audições)
4 e-livros (19 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/11/19 00:35)
Dhiogo J Caetano