Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Inquietação

Naquela tarde, algo muito estranho sufocava o meu ser. Era uma sensação difícil de ser descrita, entretanto, eu sabia que alguma coisa de ruim poderia estar acontecendo. Para minha surpresa, no outro dia, bem cedinho, fiquei sabendo que o meu amigo Pessoa estava hospitalizado.
Não sou nenhum especialista em intuição, mas foi justamente no horário em que ele acidentou no dia anterior, que eu estava mais agoniado. Era um dia de sábado, e por volta das 16 horas, o meu amigo e inquilino, resolveu com sua Biz, ultrapassar uma carreta na BR 116, nas imediações de Teófilo otoni. Naquele momento em que ele estava ultrapassando, a sua moto derrapou e ele caiu de forma muito brusca no asfalto, ficando o seu braço totalmente esfacelado. O capacete ficou todo danificado, mas graças a Deus, a sua cabeça estava intacta.
A partir de então, uma batalha seria travada, anjos se levantariam para que a integridade física do meu amigo fosse preservada. Logo quando chegou no hospital, ele foi atendido por um ortopedista, sendo o seu diagnóstico nada favorável. Na opinião daquele médico, aquele carismático ser deveria ter seu braço amputado, se aquilo fosse concretizado, seria um baque muito grande para ele, como para toda a sua família. Todavia creio eu, que ali naquele momento, legiões de anjos estavam intercedendo ao seu favor, e um cardiovascular tocado pelo Altíssimo, levantou e disse: “Existe uma probabilidade, mesmo que remota, que esse braço seja recuperado, e enquanto houver esperança, faremos todo o esforço para que seu braço seja preservado."
Vinte oito dias ficou meu nobre amigo naquele hospital, três cirurgias foram realizadas para restauração, limpeza e estética do braço. Contudo ali naquele instante, pude contemplar a sua presença, naquele sofá, com seu braço engessado, com sua tipoia, com algumas dores, porém com sua integridade física preservada.
Confeccionei essa narrativa, para que tamanho milagre seja registrado, porque afinal de contas, se não fosse o livramento do nosso Deus, jamais naquele momento, eu poderia estar ali conversando com ele. Que glórias sejam dadas ao Deus Santíssimo.
 
 
 

 
Simplesmente Gilson
Enviado por Simplesmente Gilson em 03/07/2019
Código do texto: T6687370
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Simplesmente Gilson
Mucuri - Bahia - Brasil, 56 anos
870 textos (49866 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/19 19:31)
Simplesmente Gilson