Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

JESUS – O VAGABUNDO II (04NOV2007)

Disse-lhe Jesus: Se queres ser perfeito, vai, vende tudo o que tens e dá-o aos pobres, e terás um tesouro no céu; e vem, e segue-me.
Mateus 19:21

Essas palavras ainda soam tremendamente fortes e põe à prova qualquer
Cristão!
Todos no Ocidente afirmam serem cristãos. Mas, o que é ser cristão?
A palavra cristão quer dizer àquele que segue o Cristo!
Mas...Somos verdadeiramente cristãos? Seguimos o Cristo?
Ou só achamos que seguimos, e assim tentamos enganar a nossa consciência?
Fala-se muito em melhorar o mundo em que vivemos e mudar a sociedade de modo a ser mais justa, fraterna e solidária.
Essa nova sociedade, onde todos são bons, justos e honestos, não é um sonho, basta que façamos a nossa parte. Se o outro não faz, primeiro é problema dele, porque depois ele terá que prestar contas disso, e segundo – porque cada um de nós outros só prestará contas de si próprio ao Divino, e de mais ninguém!
Para alguns vale tudo para ser feliz neste mundo transitório, enganar para obter vantagens, mentir para se dar bem, pilhar para ter conforto, pisar no coração dos que nos amam somente para ter uns poucos segundos de prazer.
E, para outros, vale tudo para subir de posição social, conseguir dinheiro, bens, posses e, nos dias de hoje - até trabalho!
Contudo, lembremos que o mestre disse – “À César o que é de César, e à Deus o que é de Deus” (Marcos 12:17)
Ou seja, ao mundo o que é do mundo e ao espírito o que é espiritual.
Isto quer dizer-nos, que não devemos comprometer o nosso futuro no mundo espiritual por causa das coisas materiais, que são todas transitórias.
Se o mestre estivesse diante de nós e nos dissesse – “ larga tudo, vem e segue-me!”
Estamos prontos para aceitar esse convite do mestre?
Estamos preparados para largar tudo – família, conforto, trabalho, posição social, dinheiro, posses, poder e prazeres – e seguir o Cristo?
Muitos foram convidados e poucos os escolhidos para segui-lo. E por quê?
Porque muitos foram cuidar dos seus campos e afazeres, outros negociar e cuidar dos bens, outros ainda, se foram, em busca de poder e da ilusão dos prazeres temporários. Todos estes não foram escolhidos, todos não puderam entrar no Reino e terão que quitar até o último centavo das dívidas que assumiram!
E os escolhidos?
Esses passaram privações, foram caluniados e desprezados pelos fúteis, e perseguidos pelos poderosos por pregarem a verdade, a justiça, a solidariedade e o amor.
Todavia, é certo que o mestre os colocou à sua direita no Mundo Espiritual, ao qual um dia retornaremos.
Paz no coração, e até o próximo texto...
Klebert
Enviado por Klebert em 04/10/2007
Reeditado em 28/05/2011
Código do texto: T679727

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Klebert
Capão Bonito - São Paulo - Brasil
20 textos (736 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/17 23:15)
Klebert