Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"Sem Título" e "O Copo"

Sem título

O poder de renovação constante só a natureza tem, aprender com ela alguma parte infinitezimal sobre o assunto talvez ajudaria.
De que modo ganhar a aprendizagem?
Com observação constante dos atos das pessoas, dos animais, das plantas, do cosmo, de cada estrela e observar a grandeza de cada um e medí-la à nossa proporção. Fazer as devidas adaptações e aceitar sugestões.  Pronto! Se der certo foi coincidência, afinal de nada mudará se nós mesmos não fizermos questão disso, independente dos movimentos do sol ou da lua, a sua cabeça tem que estar erguida antes de tudo.
Gabriel D´Nasc®
****************************************************

O copo

O copo encheu, a água transbordou, caiu da mão e se quebrou. Vários cacos no chão.Tenta-se juntá-los a fim de reparar o dano.
Impossível. Ficaram as marcas, os rejuntes mal feitos. O copo continua sendo usado, mesmo com rebarbas que podem cortar, ferir e até mesmo  escoar todo o líquido que há dentro e assim pouco se aproveitar. Por que todo este sacrifício?
O comodismo nos impede de trocar o velho pelo novo, de tentar se livrar daquilo que já fez bem. Até trocar pode demorar. Falta-nos acostumar e  sem perceber um novo copo está presente. Voltamos a um novo ciclo.
Gabriel D´Nasc®
Gabriel D Nasc
Enviado por Gabriel D Nasc em 04/10/2007
Código do texto: T680890
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Gabriel D´Nasc®). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gabriel D Nasc
São Paulo - São Paulo - Brasil, 36 anos
241 textos (6392 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 20:39)
Gabriel D Nasc