Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Outras Coisas


     O mundo passará a ter outro sentido, quando passarmos a deixar de tratar as pessoas como objeto. Por mais que possamos negar, admitir nossos erros e saborear a glória de sermos quem somos, não impede de agirmos em favor de nós mesmos. Esse é o nosso grande erro. Não quer dizer que devamos esquecer da nossa existência, nem tão pouco perder nossa própria admiração.
     O Amor brotando de nós é o elixir salvador. Podemos experimentar também, o elixir da ajuda. E com isso, sermos mais felizes com a felicidade dos outros. Parece ser difícil fazer o exercício da empatia, porém, tudo é bem resolvido quando resolvemos entender as dores alheias.
    Mundos a nossa volta e a única viabilidade é se permitir sentir. Ser quem somos já é um grande fardo. Por outro lado sentir é o verbo dos verbos. Quem sente sabe quando dizer as coisas não ditas, refrescar melhor a memória alheia e permite obedecer aos seus instintos cegamente. Atualmente eu sou aquilo que sinto, mas sem demasia. Esse é meu erro.
      As coisas vão tendo outros significados quando buscamos compreender o melhor em tudo... Em todas as nossas capacidades tão evidentes. Hoje podemos estar bem, amanhã só o acaso dirá. Nossa esperança é apenas de vivermos alegres, enquanto ainda restar um pouco da nossa essência, enquanto o amor não for sufocado.
Hivton Almeida
Enviado por Hivton Almeida em 14/01/2021
Código do texto: T7159236
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2021. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Hivton Almeida
Ibotirama - Bahia - Brasil, 24 anos
22 textos (177 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/01/21 22:27)
Hivton Almeida