Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A noite dos cachorrinhos

Pois, já dois cãezinhos ninaram em meu colchão King Size, o Caramelo patinha branca, que anda balançando os quadris, devido algum misterioso acidente quando era um bebezinho desconhecido.

E o Chico, apelido Chicário, com seus olhinhos tristes e quase humanos, e seus dentinhos afiados de nenê, ele fica chorando baixinho, quando não tem alguém por perto para lhe dar carinho.

Com o Caramelo, tem que se tomar bastante cuidado, pois ele é imprevisível, pode dar mordidas de advertência, chegando a mordidas mais agressivas, com seus alvos e firmes caninos. A interação mais assertiva com o Caramelo seria abaixar-se até sua altura e dizer com voz firme e fraterna “dá a patinha, dá a patinha!” espalmando a mão direita ou esquerda, rente ao chão.

E finalmente, para acalentar o coraçãozinho do Chico, Chicário, basta erguê-lo e trazê-lo lentamente até o peito, num tenro abraço e fazer dóceis repetições vocais de como ele é bonitinho.
Homem de preto
Enviado por Homem de preto em 08/04/2021
Código do texto: T7227057
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2021. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Homem de preto
São Paulo - São Paulo - Brasil, 39 anos
303 textos (23503 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/04/21 10:42)
Homem de preto