Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Não quero

Não, não quero ser corrompido. Não quero ter a minha não-malícia desfeita.
Não quero ter a minha inocência - mesmo que momentânea - perdida.
Não quero permitir que me manipulem ou que me modifiquem, através de atos e atitudes que não são minhas ou que não reconheço como de minha natureza.
Não aceito ser mexido por causas alheias, por interesses próprios, pessoais, íntimos.
Minha natureza tem de ser preservada. Eu tenho por missão a minha preservação.
A minha defesa tem de ser com os interesseiros, com os manipuladores, com os maquiavélicos.
Por que querem sempre destruir o que puro está ou é?
Por que gostam de destilar seus venenos impiedosos contra aqueles que não pactuam com seus atos?
Isso é ruim, muito ruim. E como muitas coisas são ruins, devemos nos fortalecer com as boas e ficar com elas. Isso já ajuda.

****************************************************
Conheça os meu livros: "Visões de um aprendiz" e "Visões de um aprendiz na Umbanda".
Você vai gostar!
Ulisses Júnior
Enviado por Ulisses Júnior em 21/11/2007
Reeditado em 09/02/2010
Código do texto: T746128
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ulisses Júnior
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 39 anos
83 textos (124140 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 12:36)
Ulisses Júnior