Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

É tempo de adquirir sabedoria

A sabedoria milenar chinesa se utiliza muito das expressões “Homem superior”, “Homem nobre” e “Santo sábio”.

Muita gente acha que superior é um homem que sabe colocar seu intelecto à frente de todas as situações, agindo sempre de forma racional e calculada. Na verdade essa é uma idéia equivocada, já que a vida não é racional por natureza. A vida é composta puramente de emoções, de sentimento. A parte calculada da vida é bem pouca, portanto, é superior aquele que compreende isso e que tem consciência de que na maioria das vezes é preciso ouvir a voz interior, ouvir seu próprio coração. Já que sabemos que o coração é um músculo, portanto não pensa, é obvio concluirmos que superior é um homem que embora possua uma ampla base intelectual e respaldo racional necessário, sabe que para as coisas fundamentais da vida o que vale mesmo é o seu próprio sentimento e o sentimento das outras pessoas. Não fosse assim, não teríamos tanta gente a discursar sobre o sentimento humano.

Superior é o homem que tem consciência de que as emoções regem o mundo e que conhece muito bem o funcionamento dos mecanismos da emoção, que são os sentidos.

Superior é aquele que compreende o sentido metafísico da palavra coração e o sentido amplo da palavra alma.

O poder está no momento. Se você perde o momento, seu poder se dilui. Nobre, portanto, é aquele que sabe aproveitar o presente, que não se debruça para lamentar o que ocorreu e que não fica vivendo somente de sonhos e projetos futuros.

Tem muita gente que associa a idéia de nobreza com dinheiro. Bem, tem alguns indivíduos por aí que sem uma larga conta bancária e sua posição social, deixariam imediatamente de ser as pessoas que são. Considero isso lamentável. Esse tipo de comportamento é uma fachada que esconde sérios problemas de auto-afirmação. O verdadeiro homem nobre ganha dinheiro, mas não se torna escravo dele. O homem verdadeiramente nobre não se deixa embriagar pela glória, nem se deixa dobrar pelas derrotas.

Os taoístas dizem: sábio é aquele que sabe ser feminino em relação ao céu e masculino em relação à terra.

Parece meio enigmático? Mas não é, na realidade é mesmo muito simples.

Segundo a crença oriental, feminino representa aquilo que é receptivo, que absorve e masculino, aquilo que age. Ainda para os orientais, o céu representa o Cosmo, a Lei da Natureza, a energia criadora e a terra, representa o mundo material propriamente dito.

Portanto, devemos ser receptivos com as Leis da Natureza, aprendermos com elas, compreendermos o momento que estamos vislumbrando para só depois agirmos no mundo em que vivemos de fato, no concreto, utilizando aquilo que aprendemos com o Universo.

Partindo da premissa acima, um Santo sábio é aquele se alinha com a Perfeição Cósmica e com ela conspira. Como os chineses gostam de afirmar, esse terá “boa fortuna” e “longevidade”. Sim senhor. Quem conhece o funcionamento do universo conhece os caminhos da riqueza e por se desgastar menos com as situações, vive muito mais.

Mas acima de tudo, sábio é aquele que tem consciência de que não sabe tudo, pois quem acha que sabe tudo não é sábio, mas arrogante. É mais ou menos como na parábola sobre o grande filósofo que foi atravessar um rio numa canoa. Ele começou a perguntar ao humilde canoeiro se ele entendia de astronomia, de matemática e blá, blá, blá. Diante da resposta do homem de que nunca havia ido sequer à escola, o filósofo decretou arrogante: - Bem meu amigo, você desperdiçou uma boa parte da sua vida -. Em seguida a canoa bate numa pedra e o canoeiro pergunta: - O senhor sabe nadar? – Diante da negativa do filósofo o canoeiro afirma: - Então eu é que lamento dizer, mas o senhor desperdiçou completamente a sua vida estudando essas coisas todas, pois a canoa vai afundar.

E como dizia o refrão da música: É preciso saber viver!
Carmem L Marcos
Enviado por Carmem L Marcos em 25/11/2007
Reeditado em 06/02/2012
Código do texto: T751481
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (citar: autoria de Maria Eugênia - www.mariaeugenia.prosaeverso.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Carmem L Marcos
São João da Boa Vista - São Paulo - Brasil
104 textos (14852 leituras)
38 áudios (1028 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/12/17 20:30)
Carmem L Marcos

Site do Escritor