Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

** CARTA ABERTA AO SITTRATER-DF E AOS SERVIDORES DA TCB **
 
     Boa tarde a todos servidores e servidoras, hoje é o dia de grande decisão pena que o horário marcado pelo SITTRATER-DF não é dos melhores para uma assembléia tão importante, as 12h00, essa assembléia a meu ver teria que ser as 9h00 da manhã, pois teremos que tomar algumas deliberações para o nosso futuro, pena que nós servidores da nossa comissão eleita democraticamente no dia 30/04/2011, não tivemos acesso as negociações, fato este que nos deixou bastantes tristes, como é que pode a maior parte interessada que são os servidores ficaram de fora das devidas negociações.
     Lembro que no passado quem era contra o sindicato éramos automaticamente chamados de pelegos, bons tempos aqueles onde nós éramos respeitados éramos cabeça, tronco e rodas, hoje vemos que o SITTRATER-DF nos deixou oito anos a ver navios, literalmente foram anos de muito sufoco e sem apoio, muito colegas migraram para outro sindicato onde conseguiram apoio onde as coisas começaram acontecer a nosso favor, a ver uma luz no fim do túnel.
     Veio a representatividade pedida pela diretória passada, pois a empresa só queria negociar com SITTRATER-DF, que representa apenas uma minoria de associados, ditos alguns pelegos, quando se tem dois ou mais sindicatos, ou negocia com a maioria ou com todos os sindicatos, pois quem criou essa desunião foi o próprio SITTRATER-DF que deixou os servidores da TCB, sem pai e sem mãe.
     No passado nós éramos os soldados de frente do sindicato, hoje não passamos de minoria ignorada pelo sindicato que diz nos representar, direito esse conquistado provisoriamente dado pela justiça ao SITTRATER-DF, desejamos que nas próximas negociações se o SITTRATER-DF caso estiver à frente das negociações que leve os representes da comissão que foi eleita democraticamente para a mesa de negociações, afinal são os nossos interesses que iremos defender, esperamos que até lá a justiça definisse de uma vez por todas quem será o nosso fiel representante, agora temos um fato novo que deste 01/01/11, a TCB é uma empresa pública do GDF. Esperamos que a justiça fizesse justiça e deixei um sindicato que represente os interesses dos servidores do GDF, que englobe dos os servidores públicos do GDF
     Hoje nos servidores da TCB, vemos um sindicato querendo correr atrás do prejuízo provocado por eles mesmos, não precisava ter nos abandonado, o outro sindicato já tem o nosso respeito e para nós independe da decisão da justiça quem no representa é o outro sindicato, o SITTRATER-DF deixou de ser aquele sindicato de luta que tinha no passado o nosso apoio a sua base principal era os servidores da TCB.
     Tanto se falou em transparência na eleição passada, já passou da hora de vermos no SITTRATER-DF uma maior transparência levando para a mesa de negociações os verdadeiros representantes que são os servidores da TCB. Nós queremos apenas participar e isso não é pedir demais, queremos apenas transparência, afinal é o nosso futuro das nossas famílias que estamos defendendo.
     Quero aqui agradecer a todos pela cobrança que também foram feitas a nós membros desta comissão pelo apoio e pelas críticas, pois quem pensa que faz tudo sozinho está literalmente enganado, as conquistas são de todos. Ao presidente da TCB, Sr. Carlos Aberto Koch, por ter recebido a nossa comissão de empregados. Uma saudação especial ao nosso companheiro e amigo de tantas lutas Valeriano Ferreira, pelo empenho constante, único membro das duas comissões formadas uma por nós servidores e uma imposta de pelo senhor João Osório no ano passado.
     Desculpe-me eu estava precisando deste desabafo, ainda aguardo do SITTRATER-DF uma resposta da minha solicitação que eu protocolei no SITTRATER-DF, pois todos os documentos requerem respostas, dizendo se foi deferido ou não, é uma questão de respeito, pois todos os anos são descontados um dia de salários de cada trabalhador em favor de seu sindicato, associado ou não.
 
     Observação: 
 
     Este texto se encontra transcrito no Recanto das Letras e todos têm direito de fazer as suas críticas e direito de resposta, não sou o dono da verdade.  
 
 
     Obrigados a todos!!!
 
     José Aprígio da Silva.
     Matrícula 53338-6

JOSÉ APRÍGIO DA SILVA
Enviado por JOSÉ APRÍGIO DA SILVA em 20/07/2011
Código do texto: T3108021

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
JOSÉ APRÍGIO DA SILVA
Ceilândia - Distrito Federal - Brasil, 61 anos
1920 textos (183085 leituras)
1 áudios (52 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/04/21 07:05)
JOSÉ APRÍGIO DA SILVA