Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Seria assim a prometida, por Lula, SEGUNDA CARTA AO POVO BRASILEIRO ?


                                    Meu povão,

                                    É tanta coisa que eu QUERIA dizer para vocês aqui...

                                    Sei que vocês têm toda a razão para estarem POR AQUI comigo. E razões para isso eu sei que vocês têm de sobra. Reconheço que meu partido e eu pisamos feio na bola com cada um de vocês.

                                    Meu partido, por ter prometido ser um partido diferente dos demais, onde a defesa DA ÉTICA era a nossa bandeira.    E essa ética prometida, mal eu assumi o governo, foi pro beleléu.

                                    Eu, por ter tentado engabelar vocês, querendo me passar como gente do povo. Mas, na verdade, o que gosto mesmo é do conforto, do luxo, das mordomias que AS ELITE me proporciona : jatinho à disposição para ir aonde eu quiser, casas de campo, fazendas, Whisky importado, hotéis supercaros em qualquer parte do mundo, palestras sobre como se dar bem trabalhando pouco e todo o tipo de mordomia que todo mundo desejaria  ter ao seu dispor.

                                    Mas, aí, apareceu esse tal de juiz Sérgio Moro. Um verdadeiro piolho de cobra. Não tem me dado sossego. Deve ter vindo do quinto dos infernos prá atanazar meu juízo. Nunca mais, depois que ele começou a vasculhar minha vida (e o cara é bom em descobrir podres dos outros, viu?), eu pude ter de volta tudo aquilo que os empresários me ofereciam. Aliás, a bem da verdade, se antes esses empresários disputavam um minuto no espaço de minha agenda, hoje, eu é que não consigo nem um minuto no espaço da agenda e na atenção deles. Correm de mim mais que o cão da cruz.

                                    Sei que tô lascado : é processo contra mim, na primeira, na segunda, na décima instância. Cada uma delas querendo mais e mais atochar em mim. Não sei até quando aguentarei isso, essa perseguição.

                                     A única possibilidade mínima que eu posso ter para melhorar um pouquinho essa minha situação calamitosa é se vocês passassem uma borracha nesse meu passado e no do meu partido e votassem novamente em mim nessa próxima eleição (isso, se esse juiz Sérgio Moro deixar...). Aí eu ia poder ter de volta o tal do  FORO PRIVILEGIADO que me livraria, pelo menos durante o meu mandato, de ir para trás das grades. Sobre isso, tremo todo só em saber que, por não ter curso superior, se eu for preso mesmo, te-
rei que ir para penitenciárias onde FILHO CHORA E MÃE NÃO VÊ...

                                     "PROMETO que ninguém mais vai roubar na Petrobrás, na Eletrobrás, na.....na... Podem confiar em mim !"
pedralis
Enviado por pedralis em 03/12/2017
Código do texto: T6188737
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
pedralis
Salvador - Bahia - Brasil
3895 textos (5319162 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/01/20 03:16)
pedralis