Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A princesa e o plebeu

Colhi uma a uma as flores de seu vestido,
Deslizei os dedos pelas pétalas de cetim que a revestia,
Desci as alças e por fim senti a luxuriosa textura da pele sua.
Pele com cheiro da pura natureza.
Com sorriso provocante exibindo sua beleza.
Rendida aos encantos da sua realeza.
Ao chão ficaram somente espalhadas as roupas,
Princesa majestosa em sua desinibição,
Escultural, é com honra e delicadeza que a espalmo.
Pele macia, envolvente,
no roçar de corpos, sinto quente.
Uma sutil safadeza, na entrega aos desejos.
Delirando gotejo ao entrar em seu castelo,
Abre-me as portas e frestas,
Farei em ti morada, serei em seu território eterno servo.

Andreaflor, Ariane Fagundes e Andrea Flor
Enviado por Andreaflor em 15/05/2018
Reeditado em 15/05/2018
Código do texto: T6336814
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Andreaflor
São José dos Campos - São Paulo - Brasil
1032 textos (28415 leituras)
90 áudios (2315 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/09/18 17:58)
Andreaflor