Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto








VERDES E NEGROS

LUIZA SAMPAIO


  

Verdes e preciosos como esmeralda, 
ardentemente felinos a fitar os meus,
negros, brilhantes, audazes, convidativos...

 Olhos que me encantam, 
despem minhas vestes de renda branca, 
e me  envolvem em sonhos e fantasias
brincam com os meus, 
num jogo de pura sedução 
e insaciável desejo de amar 

Olhos verdes a desafiar os meus,
numa constante busca de conhecer o ser, 
penetrar no mais profundo da alma 
para auscultar todos e tantos pensamentos 
filhos do inesgotável viver . 

Olhos verdes que não se calam, 
ainda que no repouso da noite, 
continuam a chamar e a atrair os meus, 
e magnetizados
como sempre,  
se cruzam
e novamente se apaixonam!

Santos, 14nov05


***********************


OLHOS VERDES
 
PAULO SILVEIRA DE ÁVILA
 

 
 
Teus olhos verdes,
 labirinto de espanto
 para quem mira,
 porém quisera tê-los mais perto
 como dois faróis luminosos
 na penumbra prisioneira da espera!
 
 
Florianópolis, 13nov05




Luiza Sampaio
Enviado por Luiza Sampaio em 30/09/2007
Reeditado em 25/10/2008
Código do texto: T674357

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Favor citar a autoria de Luiza Sampaio e o site www.luizasampaio.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Luiza Sampaio
Santos - São Paulo - Brasil, 63 anos
265 textos (57641 leituras)
16 áudios (2657 audições)
3 e-livros (437 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 13:46)
Luiza Sampaio

Site do Escritor