Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Algo Vago

Intato pensamento fadigado na mente
Que se tornam versos entorpecidos
Toma conta do eu de forma abrangente
Em figuração de desejos subtendidos
Formando arestas em outra dimensão
Procurando respostas sem explicação

Suspiro de incompreensão que me afaga suavemente
Mostrando o que quer, mostrando seu lado falido
Amores que não tive e não quis ter realmente
Faça o favor de não me questionar o ocorrido
Queira se apresentar livremente nessa nossa oração
Queira se retirar por favor quando perder a noção

Inóspito desejo flamejado no meu desatino
Refugiado nos meus tristes versos dormente
Que se faz contente quando é esquecido
E que se desentende ao se fazer presente
Até mesmo quando é usado para inspiração
Envolve-se em palavras contendo emoção

E pesa toda liberdade que aflige meu íntimo
Mas é somente você que me hospeda contente
E livra toda angústia que toca esse ritmo
Me faz fraquejar de forma decente
Mesmo quando é só você que me dá a mão
E mesmo quando eu não entendo sua razão

Darlan | Samy
Darlan Santana
Enviado por Darlan Santana em 28/11/2007
Código do texto: T756353
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Darlan Santana
Aracaju - Sergipe - Brasil, 33 anos
139 textos (6335 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 12:15)
Darlan Santana